ADVOGADOS DE SÃO PAULO VÃO ÀS URNAS


28/11/2006

As eleições acontecem na quinta-feira, das 10 às 18 horas, em todo o Estado.

A Seccional  Paulista da Ordem dos Advogados do Brasil promove, nesta quinta-feira (30/11), a maior eleição de sua história, que vai mobilizar,  somente na capital,  95.465 advogados, distribuídos por  197 seções eleitorais, instaladas nos  prédios da USP, FMU, Uninove e Unip e em 11 Subsecções. O horário de votação será das 10 às 18 horas. Na última eleição da OAB SP (nov/2003) votaram 113.620 advogados. Nesta, o colégio eleitoral é de 199.036 advogados ativos.

 

Neste pleito, estão proibidos a boca-de-urna e uso de carro de som. A Resolução 16 do Conselho Federal da OAB também  vetou o  emprego de outdoors e pesquisa de intenção de voto 30 dias antes do pleito. “A propaganda dos candidatos ficou centrada, principalmente, na correspondência, postal e eletrônica, faixas, distribuição de folhetos e nos sites de campanha”, lembra o presidente da Comissão Eleitoral da OAB SP, João de Sá Teixeira Neves.

 

 Serão utilizadas 628 urnas eletrônicas, além das suplementares,  cedidas pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, para escolha da Diretoria e Conselho da Seccional e 429 urnas de lona, para voto em cédula de papel, para escolha das diretorias das 217 Subsecções. “Com a urna eletrônica, o advogado não deve gastar mais do que 20 segundos para votar”, calcula a presidente em exercício da OAB SP, Márcia Regina Machado Melaré.

 

Os locais de votação para os inscritos na Seccional foram ampliados: Faculdade de Direito da USP- Largo São Francisco ( inscrição de 45 a 27.529) e prédio anexo – Rua Riachuelo,185 (inscrição 27.539 a 38.554); FMU – Rua Fagundes, 97 – prédio 7 (inscrição 38.555 a 70.187) ; Av. Liberdade, 899 – prédio 16 (inscrição de 70.188 a 127.145); Rua Taguá, 150 (prédios 2 e 9) (inscrição 127.146 a 171.646) ; Uninove – Rua Vergueiro, 235 (inscrições 171.647 a 206.886) e Unip – Rua Vergueiro, 1.211 (inscrição 206.887 a 252.491).

 

Na Capital também há 11 Subsecções -  Ipiranga, Itaquera, Jabaquara, Lapa, Penha, Pinheiros, São Miguel, Santana, Santo Amaro, Tatuapé e Vila Prudente – que receberão os votos de seus inscritos.

Concorrem à diretoria da Seccional Paulista da OAB quatro chapas:  (11) “ Em Defesa da Advocacia”: Rui Celso Reali Fragoso (presidente), Rosana Chiavassa (vice-presidente), João José Sady (secretário-geral), José Luis Mendes de Oliveira Lima (secretário-geral adjunto) e Sergio Seiji Itikawa (tesoureiro). Chapa (12)  “ D´Urso – Advocacia Pede Bis” : Luiz Flávio Borges D´Urso (presidente), Márcia Regina Machado Melaré (vice-presidente), Arnor Gomes da Silva Júnior (secretário-geral) , José Maria Dias Neto (secretário-geral adjunto) e Marcos da Costa (tesoureiro). Chapa (13)  “Ação, Movimento de Renovação da OAB SP”: Leandro Donizete Pinto (presidente), Cristina Nélida Cuchi Muller (vice-presidente), Leonardo Placucci (secretário-geral), Edson Gomes Pereira da Silva (secretário-geral adjunto) e Vítor Rodrigo Sans (tesoureiro). Chapa (14) “Livre Sem Cabresto – Oposição Séria”: Clodoaldo Pacce Filho (presidente), Acácio Fernandes Roboredo (vice-presidente), Mário Guglielmi (secretário-geral), Luis Carlos Cioffi Baltramavícius (secretário-geral adjunto) e José Carlos Rodrigues Pereira do Vale (tesoureiro).  Na eleição anterior, a disputa aconteceu entre 8 chapas.

 

O Interior, com 206 Subsecções,reunirá 431 seções eleitorais para receber os votos de 103.571 advogados. As eleições para as diretorias das Subsecções em todo o Estado,colocarão em disputa 1.085 cargos. As chapas concorrentes nas subsecções são compostas pelos candidatos a presidente, vice-presidente, secretário, secretário-adjunto e tesoureiro.

 

O voto é obrigatório, mas somente terá direito de votar o advogado que estiver em dia com suas anuidades. Quem quiser votar deve quitar seus débitos junto à rede bancária e apresentar seu comprovante à Seção onde vota, uma vez que nas Atas impressas para o pleito, o advogado constará como inadimplente. Não haverá voto em trânsito. A multa para quem não votar será de 20% da anuidade (R$ 126,00).

 

A Comissão Eleitoral da OAB SP espera totalizar o resultado para a Seccional durante a madrugada da quinta para sexta-feira.  Os próprios mesários das Seções Eleitorais farão a contagem dos votos, cujos resultados serão lançados em Mapas Eleitorais e encaminhados por fax à sede da Ordem, onde ocorrerá a totalização. Os resultados parciais poderão ser acompanhados na sede da Seccional (Praça da Sé, 385). No dia 30 de novembro não haverá expediente administrativo no prédio central (Praça da Sé) e Administrativo (Senador Feijó). O expediente será normal nas Salas e Casas do Advogado.

COMO VOTAR

O advogado deve inserir na urna eletrônica o NÚMERO da candidatura de sua preferência, que abrirá uma tela com o nome da chapa, número, foto e nome abreviado do candidato a presidente. Para confirmar, basta apertar a tecla verde  “CONFIRMA”. Também há opções para votar em branco, bastando apertar a tecla específica. E, para anular, colocando número de chapa inexistente e confirmando.