LUIZ EDUARDO SOARES E LETÍCIA SABATELLA ABREM III ENCONTRO DE DIREITOS HUMANOS


02/06/2003

TEMAS EM DISCUSSÃO NO III ENCONTRO DE DIREITOS HUMANOS

OAB SP ABRE HOJE ENCONTRO DE DIREITOS HUMANOS<br><br>

Começa hoje (5/6) , o III Encontro Estadual de Direitos Humanos da OAB SP ,no campus da Universidade Mackenzie, que vai reunir importantes personalidades ligadas à área da segurança, entre elas, Luiz Eduardo Soares, secretário Nacional de Segurança Pública, que vem denunciando como principais vítimas da violência no país os jovens negros e pobres das grandes cidades. Na abertura do evento, a atriz Letícia Sabetella vai declamar poemas voltados à questão da justiça social e dos direitos humanos. O vice-prefeito Hélio Bicudo, o secretário estadual de Justiça, Alexandre de Moraes, e o presidente da Febem, Paulo Sérgio Oliveira Costa, já confirmaram suas presenças.<br>
O evento será aberto pelo presidente da OAB SP, Carlos Miguel Aidar, e pelo coordenador da Comissão, João José Sady, e está voltado a todos os interessados. Amanhã (6/6), na Sala A, vai ocorrer o debate sobre os novos desafios da segurança pública no Estado Democrático de Direito. Neste momento em que o país está galvanizado pela necessidade da luta contra o crime, o evento vai discutir as causas da criminalidade e os meios para combatê-la. Nesta mesa, a coordenação do Congresso trouxe autoridades e especialistas dos três níveis de governo. O Secretário Adjunto de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Marcelo Martins de Oliveira. O Secretário de Segurança Urbana do Município de São Paulo, Domingos Benedito Mariano. O Secretário Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça, Luiz Eduardo Soares. E a professora Jaqueline Muniz, que coordena o trabalho de integração das ações policiais em todos os níveis, desenvolvidos pelo Ministério da Justiça.<br>
Na Sala B, o tema tratará das questões da criança e do adolescente que a Constituição Federal diz que é prioridade absoluta para o trabalho dos governantes mas, na prática, todos sabem o cenário que enfrentamos. Nesta mesa, vamos ter o Padre Júlio Lancelotti , antigo militante neste setor, o Promotor de Justiça Clilton Guimarães que vem atuando nesta área também há muitos anos, e a jornalista especializada, Luciana Garbin.<br>
Finalmente, na Sala C, estará sendo discutida a não-cidade que cerca a cidade oficial. Como a nova legislação, especialmente o Estatuto da Cidade, pode nos ajudar a enfrentar a tarefa de construir uma ponte que integre à cidade este cinturão de exclusão que a cerca, formado por favelas, loteamentos clandestinos, cortiços, assentamentos. Discutem o tema, a Dra Marília Cristina Borges, secretária de Assuntos Jurídicos da Prefeitura de Campinas e o Dr. Paulo Teixeira, secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano de São Paulo.<br><br>
Mais informações, na Assessoria de Imprensa, pelos telefones 3291-8175/82.