Superlotação no 44 DP


15/07/2003

Superlotação no 44 DP

A Comissão de Direitos Humanos da OAB SP solicitou à juíza corregedora do Departamento de Inquérito e Polícia Judiciária da Capital, Ivana David Boriero, que tome providências quanto à superlotação do 44º DP da Capital. O fato foi constatado por visita de inspeção feita por integrantes do Ministério Público Federal do órgão Regional da Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão.

O relatório sobre a inspeção que os procuradores de Justiça fizeram à carceragem do 44º DP retrata cenário “em que as carceragens dos distritos policiais se afiguram como verdadeiros campos de concentração”, nas palavras de João José Sady, coordenador da Comissão. A carceragem, que se encontrava com 176 detentos, estava para receber outros 49 prisioneiros.

Os procuradores salientaram também o fato de que inexiste, na prática, qualquer trabalho policial na área daquele distrito, uma vez que os agentes do poder público lotados naquela delegacia ficam às voltas com os encarcerados, ao invés de cuidar das investigações, trabalho que lhes é atribuído por lei.

Mais informações na Assessoria de Imprensa da OAB SP, pelos telefones 3291.8175 / 82.