Nilmário Miranda recebe relatório sobre DPs da CDH


14/08/2003

Nilmário Miranda recebe relatório sobre DPs da CDH

A OAB SP entregou ontem (12/8) para o Secretário Especial de Direitos Humanos, Nilmário Miranda, relatório sobre a superlotação carcerária no Estado de São Paulo, especialmente entre os detentos à disposição da Secretaria de Segurança Pública. O relatório faz um histórico da evolução da criminalidade, do número de vagas e de prisioneiros no Estado, e aponta a recusa das autoridades em tomar conhecimento das sucessivas denúncias que vêm sendo feitas sobre a situação.

Segundo o relatório, existem nas carceragens dos Distritos Policiais, na Capital, e nas cadeias públicas, no Interior, cerca de 30 mil detentos em um número quatro vezes menor de vagas. A Secretaria de Segurança Pública só reconhece um déficit de vagas em torno de 91%, mas o relatório lista uma série de casos denunciados pela imprensa e pela própria OAB SP.

Diante do que chama de “conspiração do silêncio, que faz com que tais desgraças desapareçam da mídia e tudo pareça em estado de calmaria, gerando falsa imagem para a sociedade civil”, João José Sady, coordenador da Comissão de Direitos Humanos da OAB SP, solicitou ao Secretário Nilmário Miranda que interviesse e tentasse encontrar uma solução para o problema, por todos os meios ao alcance do governo federal.

Mais informações na Assessoria de Imprensa da OAB SP, nos telefones 3291.8175 / 82.