CDH QUER AVERIGUAÇÃO SOBRE PRISÃO ILEGAL DE ADVOGADO


01/09/2003

Prisão ilegal de advogado

A Comissão de Direitos Humanos (CDH) da OAB SP solicitou à juíza corregedora do Departamento de Inquérito e Polícia Judiciária (DIPO), Ivana David Boriero, que mande investigar a prisão ilegal e humilhação imposta a advogado por policias militares e civis.

O advogado, inscrito na OAB SP, foi algemado em público, conduzido ao 30o DP no “chiqueirinho” de uma viatura policial e, depois de ficar detido da zero às 5 da manhã, recebeu a “explicação” de que se tratava de uma averiguação. “É lastimável que a PM abrigue policiais capazes de tamanha truculência e que policiais civis, como o delegado que manteve o advogado detido ilegalmente, sejam coniventes com tais práticas”, diz João José Sady, coordenador da CDH.

Lembrando que no Estado de Direito Democrático o servidor público cumpre e faz cumprir a lei, e aquele que não se pauta por tal regra deve ser responsabilizado, Sady pede à juíza corregedora que apure os fatos e, caso confirmados, promova a responsabilização penal e administrativa da autoridade policial civil e dos policiais militares.

Mais informações na Assessoria de Imprensa da OAB SP, telefones 3291.8175 / 82.