MISSA DE SANTO IVO SERÁ NO DIA 19 DE MAIO


11/05/2004

MISSA DE SANTO IVO SERÁ DIA 19 DE MAIO

A Ordem dos Advogados de São Paulo – Secção São Paulo (OAB SP), Associação dos Advogados de São Paulo e Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP), promovem missa em homenagem a Santo Ivo, padroeiro dos advogados, no 19 de maio, às 19 horas, na única paróquia dedicada ao santo no Brasil, que fica no Largo da Batalha, Moema. “ Esta é mais uma oportunidade para um congraçamento de toda família forense, porque Santo Ivo é padroeiro de todos os operadores do Direito”, afirma Luiz Flávio Borges D´Urso, presidente da OAB SP.

Para o conselheiro da OAB SP, Fábio Trombetti, coordenador do evento, o importante na reverência a Santo Ivo é o fato de sua existência real. “ Ele não está apenas no imaginário dos fiéis. Ele exerceu a advocacia e dedicou-se à causa dos pobres. Portanto, resgata a figura emblemática de nossa missão na Justiça e a missa é uma oportunidade para um encontro, no qual poderemos enviar uma ‘ petição’ ao santo para interceder junto ao criador para melhorar a vida dos operadores do Direito”, diz . Trombetti lembra que a missa também está aberta a todos os funcionários da OAB SP e da Justiça.

Santo Ivo nasceu em 1253, na Bretanha, França. Em 1267 ingressou na Universidade de Paris, onde graduou-se em Direito Civil. Depois de formado (1277), mudou-se para Orléans para estudar Direito Canônico. Em 1280, quando voltou à Bretanha, após receber as primeiras ordens, foi designado como "oficial" (ou juiz eclesiástico) da arquidiocese de Rennes.

Estudou as Escrituras e entrou para a Ordem Terceira Franciscana tempos depois, em Guigamp, e, em 1284, foi nomeado "oficial" pelo Bispo de Tréguier. Demonstrava grande zelo e retidão no cumprimento de seus deveres e não hesitava em resistir às injustas taxações do rei, que considerava uma invasão aos direitos da Igreja. Por sua caridade ganhou o título de advogado e patrono dos pobres. Depois de ser ordenado, foi designado para a paróquia de Trendrez (1285) e oito anos depois para Louanne, onde morreu no dia 19 de maio. Foi enterrado Tréguier e canonizado em 1347 pelo papa Clemente VI.

Mais informações, na Assessoria de Imprensa da OAB SP, pelos telefones 3291-8175/82.