OAB SP VAI PERMITIR TREINEIROS NO EXAME DE ORDEM


09/11/2004

OAB SP VAI PERMITIR TREINEIROS NO EXAME DE ORDEM

O Conselho Seccional da OAB SP votou favoravelmente à participação de treineiros - estudantes que ainda não concluíram o Curso de Direito – na primeira fase do Exame de Ordem. “ A exemplo da Fuvest que, no ano passado, recebeu inscrições de 157 mil candidatos, sendo 12,5% de treineiros, a Ordem também vai admitir este tipo de candidato. É uma antiga reivindicação dos estudantes de Direito que a OAB SP, pioneiramente, vem atender, objetivando um primeiro contato com o Exame de Ordem, com o fim exclusivo de treinamento”, diz o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso.

A primeira fase do Exame de Ordem é constituída por 100 questões de múltipla escolha sobre os principais ramos do Direito; Constitucional, Administrativo, Civil, Processo Civil, Comercial, Penal , Processo Penal, Trabalho , Tributário e Ética. Para ser aprovado, o bacharel precisa acertar 46 questões. “ O treineiro receberá a mesma prova dos candidatos formados, mas fará sua prova em sala especial e os resultados serão fornecidos em caráter não oficial e sem gerar qualquer direito para ingresso na segunda fase do Exame, a chamada prova prático-profissional”, explica D´Urso.

Na expectativa do presidente da OAB SP, além dos mais de 50 mil estudantes que prestam anualmente o Exame de Ordem na Seccional Paulista, em suas três edições anuais, deve haver um acréscimo de 15% de treineiros. “ É muito comum os candidatos ficarem nervosos e serem atrapalhados por este nervosismo, o treino pode ajudar o bacharel, quando a prova for efetivamente para valer”, pondera D´Urso. Os treineiros poderão se inscrever já no próximo Exame de Ordem e devem pagar 30% da taxa de inscrição normal.