SECCIONAL REÚNE ENTIDADES DA SOCIEDADE CIVIL NA LUTA CONTRA A CORRUPÇÃO


08/06/2005

SECCIONAL REÚNE ENTIDADES DA SOCIEDADE CIVIL NA LUTA CONTRA A CORRUPÇÃO

OAB SP COMEÇA VIGÍLIA CÍVICA
CONTRA A CORRUPÇÃO

A OAB SP reúne nesta quinta-feira (9/6) , às 14h30, em sua sede (Praça da Sé, 385 - 2◦ andar) as entidades da sociedade civil organizada para analisar a situação institucional do País frente às contundentes denúncias de corrupção em empresas públicas e da compra de apoio de parlamentares no Legislativo Federal. “Diante de uma crise política que pode desencadear uma crise institucional, causando turbulência à vida do país e causando danos à democracia, a OAB SP pretende, junto às forças vivas da sociedade, reagir no sentido de cobrar a apuração de fatos tão graves e deflagrar uma vigília cívica com apoio da população”, afirma o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D’Urso.

Segundo o presidente da OAB SP, mesmo o governo federal tendo se decidido a apoiar a Comissão Parlamentar de Inquérito, cabe a toda sociedade se unir numa Frente para pressionar por resultados transparentes e convincentes de que o combate à corrupção não fique apenas na intenção. “Além do trabalho da CPI dos Correios, esperamos que o Poder Executivo - por meio dos órgãos competentes realize as apurações sobre a enxurrada de denúncias de atos ilícitos e corrupção na administração federal”, diz D´Urso.

As entidades vão assinar um Manifesto Público, que será entregue aos presidentes do Senado , Renan Calheiros e Câmara Federal, Severino Cavalcanti, e para os presidentes de todos os partidos políticos com representação no Congresso Nacional.” Entre as entidades que já confirmaram presença, estão a Fiesp, Ciesp, Força Sindical, Federação do Comércio, ADVB , Associação Comercial de São Paulo, entre outras. “Onde há dinheiro público envolvido , deve haver apuração das irregularidades. Como a CPI não julga, nem pode impor punição, será fundamental o papel do Ministério Público Federal para levar à condenação os eventuais culpados, após o devido processo legal. É isso que a sociedade brasileira, indignada, espera”, afirma D´Urso.

O presidente da OAB SP também vê como positiva a postura do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de apoio à CPI dos Correios e de apoio à reforma política. “ Na Nota oficial que a OAB SP divulgou no último dia 7 de junho, chamávamos a atenção para essa necessidade premente, de uma reforma política, que ajude a sanar vícios antigos e contribua para um saneamento ético no quadro partidário nacional”, pondera D´Urso.


Algumas das entidades convidadas para o Ato na OAB SP:
AASP – Associação dos Advogados de São Paulo
ABAP – Associação Brasileira de Publicidade
ABEP – Associação Brasileira das Empresas de Pesquisa
ABO - Associação Brasileira de Odontologia
ACRIMESP - Associação dos Advogados Criminalistas do Estado de São Paulo
ACSP – Associação Comercial de São Paulo
ADVB - Associação dos Dirigentes de Vendas do Brasil
AMB – Associação Médica Brasileira
APETESP – Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo
APM - Associação Paulista de Medicina
CIESP – Centro das Indústrias do Estado de São Paulo
CNBB – Confederação Nacional dos Bispos do Brasil
CNI – Confederação Nacional da Indústria
CNS – Confederação Nacional da Saúde
CNT - Confederação Nacional do Transporte
CONAJE - Confederação Nacional dos Jovens Empresários
Confederação Nacional de Serviços
Confenen - Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino
Conselho Federal de Medicina
Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo
CORCESP – Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado de São Paulo
CRA/SP – Conselho Regional de Administração do Estado de São Paulo
CREA/SP – Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado de São Paulo
CRECI - Conselho Regional dos Corretores de Imóveis
CRO/SP – Conselho Regional de Odontologia de São Paulo
CRP - Conselho Regional de Psicologia
Fecomercio/SP – Federação do Comércio do Estado de São Paulo
FECONTESP – Federação dos Contabilistas do Estado de São Paulo
Federação dos Químicos de São Paulo
Federação dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação de São Paulo
FESESP – Federação de Serviços do Estado de São Paulo
FIESP – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo
FORÇA SINDICAL
IAASP – Instituto dos Advogados de São Paulo
IE – Instituto de Engenharia
IEB – Instituto dos Engenheiros do Brasil
Ordem dos Economistas do Brasil
PNBE – Pensamento Nacional das Bases Empresariais
Secovi/SP – Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais de São Paulo
Sescon/SP – Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis, Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado de São Paulo