PRESIDENTE CONDENA ATENTADO TERRORISTA EM LONDRES


11/07/2005

PRESIDENTE CONDENA ATENTADO TERRORISTA EM LONDRES

O presidente de OAB SP – Luiz Flávio Borges D’Urso – condenou os ataques terroristas realizados contra o sistema de metrô e ônibus de Londres, nesta quinta-feira (7/7), onde foram confirmadas as mortes de mais de 50 pessoas, além de 700 feridos, muitos em estado crítico, o que pode elevar grau da tragédia. Em nome dos 250 mil advogados do Estado de São Paulo, D’Urso emprestou solidariedade ao povo britânico, desejando que a nação reencontre o caminho da paz e que retorne à normalidade no mais curto espaço de tempo.

Na abertura do Ato Público de Repúdio contra as Invasões de Escritórios, realizado na última sexta-feira (8/7), na Praça da Sé, com a presença de mais de 500 advogados, o presidente da OAB SP repudiou com veemência todas as formas de violência e pediu um minuto de silêncio em respeito às vítimas do sistema de transporte londrino. “O terror dos grupos radicais não conhece limites humanitários, mas o diálogo jamais deve ser fechado para que não tenhamos que abrir mão das nossas salvaguardas enquanto cidadãos ”, destacou D’Urso.

Conforme D’Urso, os atentados que vêm sendo registrados desde do “11 de setembro” , em várias partes do mundo, têm levado a uma perigosa política internacional de supressão de direitos e garantias individuais em nome da segurança. “Esses atentados abrem o caminho para a intolerância, o ódio religioso e acabam justificando tomadas de decisões beligerantes e equivocadas. Devemos combater o terrorismo com vigor, mas estarmos atentos a todos os atos e gestos que gerem práticas de controle, adotando medidas típicas do Estado de exceção, que colocam em segundo plano os direitos inerentes à dignidade humana, em qualquer parte do mundo”, enfatiza D’Urso.

Mais informação na Assessoria de Imprensa da OAB SP, tel. 3291-8179/8182.