OAB SP PEDE APURAÇÃO DE MORTE EM CARCERAGEM DA PF


06/10/2005

OAB SP PEDE APURAÇÃO DE MORTE EM CARCERAGEM DA PF

OAB SP DIVULGA NOTA SOBRE MORTE
NA CARCERAGEM DA PF

O presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso, divulgou hoje (6/10) Nota, pedindo apuração da morte do detendo Leonardo Martins, de 21 anos, encontrado sem vida no Setor de Custódia da Polícia Federal. Leonardo foi preso em flagrante no Aeroporto Internacional de Guarulhos no dia 4, quando tentava embarcar com 84 cápsulas de cocaína para ingestão. Na Nota, D´Urso, afirma que “o episódio é grave e precisa ser apurado. Todo indivíduo que se encontra preso deve ter sua integridade física e sua vida garantidas pelo Estado”


NOTA

A Secção Paulista da Ordem dos Advogados do Brasil vê com preocupação o óbito do detendo Leonardo Martins, registrado no Setor de Custódia da Superintendência Regional da Polícia Federal no Estado de São Paulo, no último dia 5 de outubro.

O episódio é grave e precisa ser apurado. Todo indivíduo que se encontra preso deve ter sua integridade física e sua vida garantidas pelo Estado. É fundamental detectar a causa mortis para saber se foi natural, se houve o devido socorro ou se a morte foi causada por outro motivo.

A OAB SP ,nesta data, está oficiando ao Ministério Público no sentido de que este acompanhe as investigações, por entender que no próprio interesse da Polícia Federal , elas devam transcorrer com total transparência. A Comissão de Direitos Humanos da OAB SP também irá acompanhar as investigações.

São Paulo, 6 de outubro de 2005

Luiz Flávio Borges D´Urso
Presidente da OAB SP