PRESIDENTE FAZ TRIBUTO A SÃO PAULO


24/01/2007

Neste 25 de janeiro, a cidade comemora 453 anos.

 

A  OAB SP comemora também em janeiro sua  fundação e não está apenas na data as afinidades  que existem entre os advogados e a cidade de São Paulo.  No decorrer dos tempos, a Ordem se tornou um enclave da defesa da cidadania e da democracia e um porto-seguro para todos os cidadãos que vivem na maior metrópole brasileira.

 

Com sede no centro antigo da cidade, a Seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil embute em sua estrutura um pouco da grandiosidade e dos superlativos paulistanos: 250 mil advogados inscritos no Estado, 217 subsecções, 248 Casas do Advogado e 690 Salas do Advogado, das quais 30 na Capital, instaladas em tribunais. E, mais de três mil funcionários e uma complexa rede de prestadores de serviços e produtos. Ou seja, a OAB SP insere-se na dinâmica da economia da capital paulista.

 

Além do caráter corporativo, a OAB SP participa dos principais debates de interesse sociedade brasileira, em especial da paulistana, por meio de suas 65 comissões temáticas de trabalho, corporativas e institucionais, compostas por especialistas em todas as áreas do Direito. São milhares de advogados atuando voluntariamente na defesa de uma sociedade mais cidadã e justa. Mostra-se assim como ponta-de-lança de importantes movimentos sócio-políticos, econômicos e culturais da cidade e de todas as frentes que tenham como escopo a defesa intransigente dos princípios constitucionais. Esse posicionamento vem de longa data.

 

A primeira reunião da Seccional paulista realizou-se no dia 22 de janeiro de 1932, às 14 horas, na sede do Instituto dos Advogados de São Paulo, na tradicional Rua São Bento, onde funcionou por vários anos até ser transferida para o prédio do Tribunal de Justiça. No dia 8 de dezembro de 1955  - Dia da Justiça – a OAB SP mudou-se definitivamente para a sede na Praça da Sé, ao redor dos principais cartões-postais da cidade, como a Catedral Metropolitana, o Tribunal de Justiça, o Fórum João Mendes e não muito distante da primeira faculdade de Direito do País, as lendárias arcadas da São Francisco ( USP),  Teatro Municipal, do Viaduto do Chá. Assim, a Ordem está na coração de São Paulo, que bate há 453 anos. Parabéns, São Paulo!

 

Luiz Flávio Borges D´Urso

Presidente da OAB SP