ADVOGADOS DE MATÃO REJEITAM CREDENCIAMENTO DIRETO COM DEFENSORIA


22/07/2008

Nesta segunda-feira (21/7), a Subsecção de Matão, na região araraquarense, promoveu reunião com os profissionais militantes na Assistência Judiciária e ficou decidido, por unanimidade, que os advogados daquela cidade não vão se inscrever no convênio direto proposto pela Defensória Pública do Estado de São Paulo, que busca arregimentar os advogados após a suspensão do Convênio de Assistência Judiciária.

 

O  presidente da OAB-Matão, Antonio Ferreira de Freitas, explica que compareceu à reunião a maioria absoluta dos advogados inscritos para atendimento na Assistência Judiciária e que se mostraram indignados com a postura do diretor do Fórum local “que mais uma vez age com desrespeito aos advogados, cedendo a instalação para os defensores públicos procederem a triagem", afirmou.

Tags: