SALA DA FMU RECEBE NOME DE UMBERTO LUIZ D´URSO


03/10/2008

A Sala de aula 2, ampla, arejada e dotada de luz natural, da Casa Metropolitana do Direito da FMU , onde está sediado o Curso de Direito, recebeu o nome do advogado e professor Umberto Luiz D´Urso, na última terça-feira (30/9), numa cerimônia singela, da qual participaram o homenageado, familiares - entre eles o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso, o diretor cultural e conselheiro da Ordem, Umberto Borges D´Urso, além de conselheiros, professores e amigos.

 

O coordenador do curso de Direito da FMU,  professor  Paulo Hamilton Siqueira Júnior, explicou  o objetivo da homenagem:  “O professor Edevaldo Alves da Silva, presidente da FMU,  decidiu batizar as salas de aulas com a finalidade de homenagear os mais importantes professores que  passaram pela instituição. Nossa intenção é dizer aos alunos: amanhã teremos prova na sala doutor Umberto Luiz D´Urso e os alunos, curiosos, perguntarão de quem se trata e  saberão da história do nosso homenageado”, afirmou. Também explicou porque a homenagem recebeu o nome de  “ batismo da sala de aula” . “ Sem dúvida, batismo  é uma designação adequada porque significa ligação com o criador.  E nós queríamos estabelecer, selar,  uma ligação com essa família, que detém um nome forte, essa família que é de um homem leal, com seus filhos que eu aprendi a admirar, o Luiz Flávio Borges D´Urso, presidente da OAB SP e o Umberto D´Urso, presidente do Conselho Penitenciário  e de seu neto, Flávio D´Urso, que eu aprendi a admirar porque  fui professor dele e só descobri que ele era membro da família D´Urso depois de 3, 4 meses de aula”, constatou.

 

Humildade e honradez

 

O presidente D´Urso falou em nome da família. Agradeceu a homenagem, destacou a importância para a família e para toda a advocacia dessa  e falou sobre a influência  que o pai teve na escolha da mesma profissão pelos filhos e do neto Flávio.“Quero, em nome da família, dizer que é uma satisfação de estar aqui nessa oportunidade quando meu pai está sendo homenageado, homenagem que é dirigida à toda família. Em primeiro lugar quero dizer que tive o orgulho e a honra  de integrar essa casa como estudante, acadêmico e depois como professor e hoje com muita honra como professor honoris causa. Portanto,  fico imensamente honrado por ter podido integrar esta Casa e ter recebido a minha formação básica jurídica de professores, muitos colegas de turma de meu pai, que me ensinaram os primeiros passos das letras jurídicas. E hoje, com muita alegria, eu tenho meu filho como integrante desta família, cursando aqui o 4º ano de Direito”, afirmou .

 

Emocionado, D´Urso lembrou ainda do primeiro contato com a advocacia. “Quero dirigir uma palavra a meu pai . Desde que me lembro,  achava muito diferente a sua forma de ser. Não tinha horário, todos o adoravam e  recorriam  a ele sempre que tinham um problema. Eu pensava: o que ele tem de tão diferente? Descobrimos: ele é advogado. Daí,  a admiração foi aumentando por conta da sua dedicação ao magistério. A vida inteira ele foi assim e continua sendo assim. Por ser assim é um exemplo. É por isso que  é querido, é amado e não só pelos seus familiares, mas por todas as pessoas com quem  teve contato durante toda a sua vida”, ponderou.

 

O presidente afirmou também que a humildade e honradez do pai serviram  de exemplo para os filhos e netos. “Hoje, meus filhos, seguem essa linha de retidão, nós o fazemos honrando o nome do meu pai, esse exemplo de conduta. Quando hoje, esta Casa, que nos é tão cara, oferece uma homenagem a meu pai, à sua vida, ao seu compromisso não só com a advocacia que nos ensinou a amar, mas acima de tudo a esse compromisso, a esta paixão, que começou aos 17 anos, de ensinar. É por isso que eu me sinto muito feliz e, em nome de toda nossa família, em nome da família forense que o senhor sempre cultuou, em nome de todos aqueles me querem bem é que eu quero dirigir essa palavra de agradecimento à FMU , mais uma vez, dizendo que nós vamos continuar, sempre, pautando a nossa existência, honrando o nome que o senhor construiu e nos legou um nome de honradez, de dedicação, mas acima de tudo em nome do profundo amor e dedicação ao próximo.”

 

Inspiração aos novos professores

 

Muito emocionado, Umberto D´Urso agradeceu a homenagem, dizendo ser aquele um dia muito especial. “Ao receber esta homenagem da FMU sinto-me honrado, envaidecido e profundamente feliz. Tenho o grande prazer e a grande satisfação de estar presente a essa solenidade por duas razões. A primeira é porque nesta data eu retornei a essa universidade onde me dediquei ensinando com saúde e entusiasmo para que os alunos, conhecendo o Direito, pudessem saber e fazer valer que o direito de cada um começa onde termina o direito de outrem. A segunda é para receber e agradecer esta homenagem”, disse.

 

Ao lado dos filhos e do neto, Umberto D´Urso descerrou a placa da sala que leva seu nome e observou que os destinos de sua família se cruzam e se completam. “ Durante muitos anos nesta Casa proferi minhas aulas de Direito a contribuir com a excelência da qualidade de ensino que tornou-se referência em todo o estado de São Paulo e no Brasil. Por tudo isso, fiz parte e sempre farei desta nossa FMU. Ao ser distinguido com a denominação desta sala de aula, batizando-a com meu nome, creio que maior homenagem não há. Foi nesse ambiente que dediquei meu melhor esforço para a formação de tantos e tantos bacharéis. Estimados amigos, espero que essa homenagem,  mais do que me envaidecer,  possa inspirar os jovens professores a realizarem essa missão de formar as novas gerações com mais amor”, ressaltou.