AUMENTA NÚMERO DE MEMBROS DO CONSELHO SECCIONAL DA OAB SP


26/02/2010

Durou mais de 8 horas, a primeira sessão do Conselho Seccional da OAB SP , realizada na última segunda-feira (22/3), no Novotel SP Jaraguá. Sem dúvida, um reflexo da ampliação do número de conselheiros que, por determinação do Conselho Federal, subiu de 90 para 120 conselheiros, dos quais 72 são novos quadros, registrando um índice de renovação de 60% em relação à gestão passada.

 

 “ Por óbvio que o grau de representatividade do Estado de São Paulo, que já alcança 300 mil advogados, melhora com 120 conselheiros. Não  só em  quantidade, mas também na qualidade dos membros. A administração da reunião é um pouco mais trabalhosa com um número maior, mas o resultado aprimora a qualidade das decisões do egrégio Conselho”, avaliou o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso.

 

Para o vice-presidente Marcos da Costa, um dos desafios do novo Conselho Seccional será discutir a questão do processo digital, que vai além da troca do papel pelo meio eletrônico,  porque marca a entrada de uma nova era, nova cultura para o Poder Judiciário e, portanto, para a advocacia. “ A advocacia cresceu muito nos últimos anos, mas o número de conselheiros se mantinha o mesmo desde 1994, data do novo Estatuto da Advocacia. A elevação vai permitir retratar de maneira mais adequada a advocacia do Estado inteiro e permitirá  que mais processos  sejam apreciados pelo Conselho”, disse Costa.

 

O presidente D´Urso  pediu assiduidade aos novos conselheiros e permanência em plenário para assegurar quórum nas votações, lembrando que a Ordem “precisa de braços para trabalhar” nos assuntos de competência legal do Conselho, como ética e inscrição. Afirmou , ainda, que deseja julgar o maior número possível de processos, sendo que caberá aos conselheiros dar votos e sustentar a relatoria no plenário do Conselho.