ADVOGADOS TERÃO ATENDIMENTO PARA VISTO AOS EUA


20/05/2010

A OAB SP, a CAASP e o Consulado norte-amerciano firmaram Termo de Cooperação , na última quarta-feira (19/5), para treinamento de funcionários da Caixa para orientar advogados, estagiários e familiares no procedimento para obtenção de visto americano.

Segundo Michael Solberg, chefe da Unidade de vistos do Consulado norte-americano, o serviço de orientação visa  tirar dúvidas e facilitar o agendamento da entrevista e preenchimento de formulário requisitado por meio de funcionários da OAB SP /CAASP, treinados pelo consulado norte-americano.

 “Este processo de reunir documentos e marcar a entrevista é bastante trabalhoso, burocrático e esse serviço de orientação  pode ajudar nesse processo da obtenção do visto”, ressalta o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso. Para o presidente da Ordem, depois da eleição do presidente americano  Barack Obama houve  uma aproximação com o  presidente brasileiro Luis Inácio  Lula da Silva. “Essa aproximação dos nossos dirigentes maiores, sem dúvida, também chegou às nossas instituições, o que convergiu para este serviço envolvendo  a OAB SP/CAASP  e o Consulado norte-americano”, completou D´Urso.

 Para  Fábio Romeu Canton Filho, presidente da CAASP, que espera grande demanda da advocacia, o serviço de orientação  é mais um benefício oferecido à advocacia. “Isso faz parte do nosso plano de gestão, a ampliação dos serviços já existentes e a criação de novos serviços como este, que será prestado por um funcionário da OAB SP/CAASP, atuando dentro do prédio sede da Caixa, para ajudar advogados e seus familiares que desejarem viajar aos EUA.”

 David Meron, chefe da Secção Consular, explica que  o foco do Consulado vem sendo a melhoria do atendimento às entidades, uma vez que já trabalha com agências de viagem, despachantes , universidades, Câmara de Comércio EUA-Brasil  no sentido de encorajar brasileiros a conhecerem os Estados Unidos . “Esse serviço de orientação será frutífero para os EUA e para a OAB SP, até pela dimensão da entidade”, ressaltou.

 A idéia do serviço de orientação  surgiu do diretor da CAASP, Anis Kfouri Júnior, e foi viabilizada institucionalmente pelo presidente da Comissão de Relações Internacionais da OAB SP e assessor para assuntos institucionais da CAASP,  George Niaradi.

Segundo o Consulado norte-americano, o solicitante terá que pagar todas as taxas, passar por triagem normal fora do consulado, entregar os documentos, passar pelos digitais, fazer entrevista e pagar para o envio do passaporte.