OAB SP TEM REUNIÃO COM TRT-15 SOBRE GREVE


26/05/2010

O secretário-geral da OAB SP, Sidney Uliris Bortolato Alves, e o presidente da Comissão de Direito Trabalhista, Eli Alves Silva, estiveram reunidos nesta quarta-feira (26/5), com o vice-presidente administrativo do Tribunal Regional do Trabalho – 15ª Região, Luiz Antonio Lazarin, para tratar da greve dos servidores do Judiciário trabalhista e levar o pleito de suspensão de prazos processuais para evitar prejuízos maiores à advocacia e ao jurisdicionado. Também participou da reunião o juiz auxiliar e assessor da presidência, Edison Pelegrini.

Segundo Bortolato Alves, o TRT-15 entende que a suspensão de prazos, no momento, poderia favorecer a greve e se comprometeu a abrir um canal com a Ouvidoria do Tribunal para atender casos pontuais de advogados que estejam tendo algum problema decorrente da paralisação parcial dos serventuários do judiciário trabalhista.

“ O compromisso do TRT-15 é manter 50% dos efetivos trabalhando  e os advogados que tiverem dificuldades de qualquer ordem, seja funcionamento do protocolo, distribuição, audiências ou mandados podem encaminhar à Ouvidoria ou à Comissão da OAB SP, que está com contato direto com o Tribunal”, explica Sidney Bortolato.

Na avaliação do presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso, a Ordem acompanhará o desdobramento da greve  no TRT – 15, que abrange 599 comarcas do Interior e seu impacto na rotina de trabalho da advocacia e voltará a pleitear a suspensão de prazo, caso a greve continue.

O  endereço eletrônico da Comissão da OAB SP é comissão.trabalhista@oabsp.org.br.