D'URSO LAMENTA MORTE DE JOVEM ADVOGADO NO AM


04/06/2010

O presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso , lamentou a morte prematura do advogado paulista Pedro Yamaguchi Ferreira, 27 anos, encontrado morto na última sexta-feira (3/6), no Rio Negro (AM), por uma equipe de busca do Exército. Ele havia saído para nadar no rio e estava desaparecido desde terça-feira (1/6).

Pedro era filho do deputado Paulo Teixeira, formou-se pela PUC-SP, turma de 2008, e atuava desde o ano passado como advogado da Pastoral Indigenista da Diocese de São Gabriel da Cachoeira, visando assegurar os direitos das populações ribeirinha e indigenista.

“ Lamentamos profundamente a perda desse jovem idealista, que lutou pelos excluídos e utilizou advocacia  para mudar a realidade do país em que vivia. Deixou São Paulo para advogar no Amazonas , onde ficaria por três anos no exercício profissional. A Advocacia paulista está solidária com a família e amigos nesse momento de dor”, afirmou o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso.