VISITA MONITORADA AO MUSEU SOBRE DROGAS


19/07/2010

Dados do Obid (Observatório Brasileiro de Informações sobre drogas), os jovens brasileiros entre 12 e 17 anos, aumentaram o consumo de maconha de 3,6% para 4,1%, entre 2001 e 2005. Os que consumiam estimulantes representavam 0,2% em 2001 e 2,9% em 2005. O consumo de álcool subiu de 48,3% para 54,3% no mesmo período.

 

Ainda segundo dados do Observatório,em 2005 morreram mais de 6 mil pessoas em decorrência do uso de álcool; 375 devido ao fumo e 24 por causa do uso de cocaína.

 

Para tratar do assunto, o Departamento de Cultura e Eventos da OAB SP programou uma visita monitorada ao museu Nestor Sampaio Penteador, do Denarc (Departamento de Investigações sobre Narcóticos), local que possui acervo com todas as drogas de abuso e onde funcionários treinados explicam o efeito de cada uma delas, no dia 5 de agosto, às 14 horas. O museu fica na sede do Denarc (rua Rodolfo Miranda, 636, 1º andar, Bom Retiro).

 

Durante a visita, os participantes assistirão a palestras de Marco Antonio Pereira Novaes de Paula Santos, delegado de polícia e diretor do Denarc; Reinaldo Corrêa, delegado de polícia divisionária da Dipe/Denarc; e Elisabeth Massuno, delegada de polícia da Dipe/Denarc e coordenadora executiva do evento.

 

Inscrições na sede da Ordem (Praça da Sé, 385) ou pelos telefones (11) 3291-8190/8191, mediante a doação de uma lata ou pacote de leite em pó integra (400g).