AÇÃO SOCIAL INICIA DOAÇÕES DA CAMPANHA DO AGASALHO


22/07/2011

Quarenta e sete entidades assistenciais começaram a receber nesta quinta-feira (21/7), as roupas arrecadadas na Campanha do Agasalho 2011, promovida pela Comissão de Ação Social da OAB SP, com apoio do Departamento de Cultura e Eventos e que se encerra oficialmente no próximo dia 29 de julho, no Salão Nobre da Ordem.

Foram  300 mil peças doadas pela população São Paulo ao longo das três carreatas promovidas em vários bairros de São Paulo, que contou com apoio de Motos Clubes, Subsecções de Vila Prudente, Tatuapé, Pinheiros, Lapa e Nossa Senhora do Ó e da empresa Granero .

“Com certeza foi a melhor Campanha do Agasalho que fizemos, pois arrecadamos muito, principalmente blusas de lã, edredon, cobertores e calças jeans. Notamos também uma diferença em relação aos outros anos, nessa campanha, pois recebemos roupas em bom estado, muitas ainda sem uso, embaladas, e constatamos que a população está mais consciente. É um espírito novo”, declarou Clarice D´Urso, coordenadora de eventos da Comissão de Ação Social da OAB SP.

Para Maria Célia do Amaral Alves, presidente da Comissão de Ação Social da OAB SP, o balanço da campanha do agasalho não poderia ser mais positivo. “Esse ano a arrecadação foi além das nossas expectativas e queremos agradecer a todos que colaboraram para que conseguíssemos atingir nosso objetivo. Sem dúvida, a hora da entrega das roupas arrecadadas é a melhor”,  afirmou, destacando um agradecimento especial voluntários -  advogados, estudantes de direito, funcionários e parceiros como os motoclubes e o apoio da Polícia Militar.

Representantes de entidades assistenciais presentes à entrega dos agasalhos ressaltaram a importância da iniciativa e garantiram que as roupas doadas farão a diferença na vida das  pessoas que receberão.

Albertina José dos Santos, da Associação Beneficente da Vila Esperança e Adjacências, que atende a população carente há 12 anos na zona leste, falou de sua experiência. “Eu atendo 93 famílias da região e eles precisam de tudo. Esses agasalhos são essenciais e eu me sinto mais feliz do que eles em poder ajudá-los. É gratificante”, explicou.

Para a diretora educacional da Casa da Criança Santa Olímpia, Dercy Ribeiro, os agasalhos são bem-vindos. “Atendemos 94 crianças e adolescentes, entre 6 e 15 anos. Eles precisam estar matriculados na escola e ficam com a gente no período em que não estão na aula, recebendo lanches e refeições. “As roupas doadas contribuirão para minorar as carências”, contou.

Outra instituição beneficiada com a Campanha foi o Fundo de Assistência à Criança com Câncer. Virgínia Alves, representante da entidade, afirmou que é o trabalho da OAB SP é muito útil e traz alegria para quem recebe os donativos. A instituição oferece casa, alimentação, roupas, remédios e apoio psicológico para crianças e conta com 17 residências no Brasil, 4 delas na cidade de São Paulo.

Irmã Terezinha Abreu trabalha há 70 anos na Creche Catarina Labouré, que atende 300 crianças de 4 meses a 12 anos explica que as roupas que não servem para as crianças vão para um bazar e o dinheiro arrecadado com as vendas é usado para outras necessidades das crianças.