COMISSÃO DE SEGURANÇA VISITA PRESÍDIO MILITAR ROMÃO GOMES


23/11/2011

Integrantes da Comissão de Segurança Pública da OAB SP visitaram no dia 16 de novembro o Presídio Militar Romão Gomes (zona norte de São Paulo), da Polícia Militar, para registrar oficialmente as três vagas de estacionamento disponibilizadas para uso exclusivo de advogados de policiais presos naquela unidade prisional.

"Durante a visita, a comissão constatou que o presídio cumpre as determinações contidas na Carta Internacional dos Direitos Humanos, pois proporciona aos internos o direito de cumprir a pena com dignidade. O objetivo principal é reeducar o ser humano condenado por cometimento de infração penal", disse o presidente da comissão, Arles Gonçalves Junior.

Segundo o dirigente, os condenados presos na instituição são acompanhados por psicólogos, recebem tratamento médico-hospitalar, e a maioria deles trabalha em oficinas de artesanato ou em fábricas de comedouro e casinhas para cachorro, garantindo renda para subsistência da família e remindo a pena. Por isso, de acordo com Gonçalves, o índice de reincidência criminal é muito baixo.

Além do presidente da comissão, participaram da visita Roberto Cianci, vice-presidente da comissão; Valdemir Lucena de Araújo, secretário geral; e Wagner Cavalcante dos Santos, secretário-geral adjunto.

Eles foram recebidos pelo tenente coronel PM Almir Ribeiro, subchefe de gabinete do comandante geral da PMESP; tenente coronel PM Abaré Vaz de Lima, comandante do Presídio Romão Gomes; e major PM Daniel Augusto Ramos Ignácio, subcomandante da instituição.