SUBSECÇÃO DE PINHEIROS COMEMORA 30 ANOS


01/10/2012

Com um jantar-dançante no salão Havanna do Hotel Renaissance , a Subseção de Pinheiros comemorou 30 anos de existência , seu Jubileu de Pérola, com a presença da Diretoria, conselheiros e lideranças da advocacia pinheirense.

 

Inscrito na Subseção de Pinheiros, o presidente em exercício da OAB SP, Marcos da Costa, saudou a Diretoria e elogiou o presidente Maurício Januzzi pelo trabalho realizado. Também enfatizou  o significado dos 30 anos de existência e o papel social da advocacia. “Não há no mundo entidade com a expressão da OAB, mencionada na Constituição Federal, que tem legitimidade para discutir a constitucionalidade da lei, compomos parte do Poder Judiciário pela via do Quinto Constitucional. E, na América inteira  é a única que regula a entrega ou retira a   carteira profissional.Nos demais países, isso é atribuído à magistratura.O advogado tem contribuído para construirmos um país melhor”,garantiu.

Para o presidente da Subseção, Maurício Januzzi, o Jubileu de Pérola tem um significado importante ,  exemplo de  uma joia que demora 30 anos para se formar, a Subseção construiu sua história. “Estamos comemorando todas as  principais realizações e projetos, como da sede nova, voltados aos 3 mil advogados inscritos”,disse.

A presidente da Associação dos Advogados de Pinheiros, Anna Christina Bergamaschi, disse que as coemorações de 30 anos da Subsecção“é um grande momento para a advocacia pelo trabalho desenvolvido pelo presidente Januzzi,que conduziu a Subescção com caráter, honra e dignidade.

De acordo com o diiretor-secretáro-geral da CAASP, Sergei Cobra Arbex, Toda vez que uma Subsecção faz aniversário e é prestigiada por autoridades e, principalmente, pela advocacia   demonstra que  caminha a passos largos para ser respeitada pela sociedade e se fortalece para se fortalecer . É o caso de Pinheiros”, afirmou.

Durante o evento, foi feita uma homenagem especial à secretaria estadual de Justiça, Eloisa de Sousa Arruda, pela grande  contribuição à ampliação da Justiça e Cidadania do Estado.