OAB SP SOLICITA AO TSE LIBERAÇÃO DAS URNAS ELETRÔNICAS


17/10/2012

A OAB SP oficiou ao Tribunal Superior Eleitoral reforçando solicitação do Conselho Federal da OAB para que o TSE autorize os TREs a cederem urnas eletrônicas para as eleições da entidade em todos os Estados e Distrito Federal, que ocorrem durante a segunda quinzena de novembro.

Em São Paulo, os advogados já utilizaram o voto eletrônico nos três últimos pleitos, de 2003, 2007 e 2009, o que facilitou a votação e a apuração, uma vez que São Paulo reúne o maior colégio eleitoral (cerca de 250 mil advogados) e maior número de Subsecções (226) do país.

No pleito de 29 de novembro, os advogados paulistas escolherão o Conselho Seccional e Diretoria, conselheiros federais, Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados de São Paulo (Caasp) e todos os diretores de Subseções.

O TSE havia comunicado ao Conselho Federal da OAB que a dificuldade na cessão das urnas eletrônica decorria de uma atualização de software em curso e da quarentena das urnas oficiais utilizadas nas eleições municipais.