CONGRESSO SOBRE DROGAS REÚNE ESPECIALISTAS SOBRE O TEMA


05/12/2012

O Departamento de Cultura e Eventos e as Comissões de Estudos sobre Perícias Forenses, de Estudos sobre Educação e Prevenção de Drogas e Afins, de Segurança Pública e de Ação Social da OAB SP realizam o congresso “Diga não às drogas - A Droga Acaba com as Famílias e os Lares Brasileiros – Veja como as maiores autoridades se posicionam”, no dia 10 de dezembro, a partir das 9h30, no Salão Nobre da Ordem (Praça da Sé, 385).

 Segundo o diretor cultural da OAB SP, Umberto D'Urso, o Departamento de Cultural está atento a todas as mudanças legislativas, buscando promover eventos que atualizem os advogados.

O Departamento de Cultura e Eventos e as Comissões de Estudos sobre Perícias Forenses, de Estudos sobre Educação e Prevenção de Drogas e Afins, de  Segurança Pública e de Ação Social da OAB SP realizam o congresso “Diga não às drogas - A Droga Acaba com as Famílias e os Lares Brasileiros – Veja como as maiores autoridades se posicionam”, no dia 10 de dezembro, a partir das 9h30, no Salão Nobre da Ordem (Praça da Sé, 385).

 

Os presidentes da mesa serão o conselheiro seccional e diretor do Departamento de Cultura e Eventos, Umberto D´Urso; o presidente da Comissão de Estudos sobre Educação e Prevenção de Drogas e Afins, Cid Vieira de Souza Filho; e o presidente da Comissão de Visitas e Recepção da OAB SP, Alessandro de Oliveira Brecailo.

 

O primeiro palestrante será o delegado de polícia Reinaldo Corrêa, do DIPE/DENARC, que falará sobre “Droga vicia, sim! – Prevenção e as novas drogas na sociedade”.  Em seguida, o psiquiatra Antonio José Eça discorrerá sobre “Aspectos Psiquiátricos do Uso de Drogas – O câncer da sociedade”.

 

O médico legista Fortunado Badan Palhares será o expositor em “O Vício que Leva à Morte – A droga vista no cadáver”; e o diretor do Instituto de Criminalística do Estado de São Paulo, Adilson Pereira, tratará de “A Perícia das Drogas de Abuso – A curiosidade que não tem volta”.

 

O advogado criminalista Norberto da Silva Gomes, professor de Medicina Legal e Psicologia Jurídica, será o palestrante em “Droga Mata – Não existe droga recreativa”. Em seguida, a delegada Elisabeth Massumo, do DIPE/DENARC, será a palestrante em “A Droga, a Prostituição e o Tráfico de Pessoas – A alta sociedade usa droga?”.

 

Continuando, o ex-secretário de Justiça do Estado de São Paulo, Hédio Silva Júnior, falará sobre “Droga Não é Lazer – A internação deve ser compulsória?” e o advogado e delegado de polícia aposentado Luiz Carlos Freitas Magno discorrerá sobre “O Calvário da Família dos Viciados – O que a família passa”.

 

“O Combate às Drogas pela Paz Nacional – Preservação da família brasileira” é o tema debatido pelo presidente da Associação Brasileira das Forças Internacionais de Paz da ONU, Walter Mello de Vargas, enquanto o chefe de Telemedicina da Faculdade de Medicina da USP, Chao Lung Wen falará sobre “Desenvolvimento de uma Postura à Vista dos Riscos Causados pelas Drogas – A droga não pode ser vista como um drinque”.

 

Inscrição na sede da entidade ou pelo site www.oabsp.org.br ou pelos telefones (11) 3291-8190/8191, mediante a doação de uma lata ou um pacote de leite em pó integral (400g).