Presidente da OAB SP entrega duas novas Casas da Advocacia


30/09/2014

O objetivo de aprimorar os serviços para a advocacia paulista continua tomando corpo com a construção de novas Casas da Advocacia e Cidadania em todo o Estado. Nos dias 18 e 19 de setembro, o extremo oeste paulista teve duas de suas Subseções contempladas com novas edificações, sendo Presidente Venceslau e Paraguaçu Paulista os municípios que agora dispõem de um melhor aparato para apoio para o trabalho dos advogados e para o atendimento ao público.

As duas novas Casas observam um padrão construtivo que a OAB SP estabeleceu para agilizar os processos de aprovação e construção dos imóveis, sendo necessárias apenas adequações ao tamanho dos terrenos obtidos. Assim, a Subseção de Presidente Venceslau - por conta da amplitude da área cedida - tem vagas de estacionamento internas, enquanto no caso da Subseção de Paraguaçu Paulista, o visual ficou bastante aberto, por estar em um terreno de esquina.

“A Casa da Advocacia e Cidadania faz jus ao nome que recebe, sendo um espaço essencial – um verdadeiro lar - para advogadas e advogados, bem como um local de referência para a cidadania, qualquer que seja o município, qualquer que seja a subseção”, definiu Marcos da Costa.

Ao longo da viagem para estas duas inaugurações, o Presidente da OAB SP passou por outras 4 subseções, fazendo visitas e entregas de carteiras para novos advogados em Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Santo Anastácio e Assis.

Neste trajeto, Marcos da Costa esteve acompanhado de Fábio Romeu Canton Filho, Presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de São Paulo, que demonstrou contentamento com a presença do Espaço CAASP nas novas Casas, uma vez que “a Caixa proporciona benefícios expressivos para a advocacia, sendo capaz de tornar o retorno suficiente para pagar – até com saldo – o valor da anuidade: quanto mais o advogado utilizar nossos serviços mais possibilidades de ampliar as nossas parcerias”. Caio Augusto Silva dos Santos, Secretário Geral da OAB SP, também esteve presente nesta viagem.

Inauguração em Presidente Venceslau
 

“Esta Casa é fruto do trabalho combativo dos advogados venceslauenses”, anunciou a Presidente da Subseção de Presidente Venceslau, Roseli Oliva, que fez questão de ter ao seu lado, compondo o grupo inaugural, os integrantes de sua Diretoria: Amauri Cesar Da Silva Dias (Vice-Presidente), Lucianne Penitente (Secretária Geral), Thiago Fernandes Ruiz Dias (Secretário Adjunto) e Gustavo Miguel Gorgulho (Tesoureiro). Ela fez um breve relato dos fatos e decisões que culminaram na concretização do projeto, comemorando o fato de a “nova Casa da Advocacia e Cidadania, além de estar em sede própria, ter condições mais adequadas para o atendimento aos advogados e conta com auditório, com capacidade para 100 pessoas, o que certamente servirá de incentivo para palestras e cursos”.

Marcelo Ferreira Taca, Ex-Presidente da Subseção falou em nome dos colegas que já dirigiram esta unidade e fez questão de destacar o empenho de Luiz Flávio Borges D´Urso – quando Presidente Secional - e de Marcos da Costa. Taca lembrou que ambos decidiram incluir o projeto a nova Casa de Presidente Venceslau num lote de construções que já estava fechado, demonstrando boa vontade, diante do trabalho e das mudanças que seriam necessárias. “Ganha muito a advocacia de Presidente Venceslau”, anunciou o prefeito Jorge Duran Gonçalez, concluindo que a população também será beneficiada, uma vez que “quando houver palestras, cursos da ESA, estaremos preparando melhor as advogadas e advogados, dando melhores condições para o acesso à Justiça”.

Marcos da Costa fez uma viagem ao passado para resgatar a trajetória que levou à concretização deste sonho da advocacia venceslauense, lembrando da primeira vez que esteve no local, quando ainda era Diretor Tesoureiro, verificando o terreno. Contou o Presidente da OAB SP que “hoje chegamos a esta conquista, mercê do trabalho de muitas mãos”.

O grupo inaugural para esta solenidade ainda contou com as presenças de: Caio Augusto Silva dos Santos (Secretário Geral da OAB SP), João Emilio Zola Júnior (Conselheiro Secional), Tufy Nicolau Júnior (Vereador de Presidente Venceslau), Thomaz Corrêa Farqui (Juiz Diretor do Fórum local), José Roberto Dantas Oliva (Juiz Diretor do Fórum Trabalhista de Presidente Prudente), Rodrigo Melgarejo (Promotor da 1ª Vara do Forúm de Presidente Venceslau), Tenente Coronel Marcelo Antônio Monteiro (Comandante do 42º Batalhão PM de Presidente Venceslau) e Carlos Humberto Martins de Oliveira (Presidente da Associação Comercial e Industrial de Presidente Venceslau).

Emoção e amor pela advocacia marcam inauguração em Paraguaçu Paulista
 

A história que levou a construção da nova Casa da Advocacia e Cidadania de Paraguaçu Paulista é única e emocionante, uma vez que, mais que um fruto da organização da OAB SP, a Casa é um legado de um advogado que elevou seu amor pela advocacia local: Pedro Elias Arcênio. Tendo presidido a Subseção (1983-1985), ele era advogado de presença forte junto à classe e Ordem na região.

A nova Casa da Advocacia e Cidadania de Paraguaçu Paulista leva o nome de Norma Vasconcelos Penteado Arcênio, esposa de Pedro Arcênio, falecida em 2004. Batizar a Casa com o nome de sua companheira foi a única contrapartida que Pedro Arcênio fez para comprar o terreno, doando-o a Ordem. Quis o destino que o bem feitor não estivesse vivo para ver a realização do sonho, com seu falecimento em 31 de março de 2013. “Se aqui estivesse, com aquele seu sorriso peculiar, estaria expressando sua satisfação de estar entre amigos e profissionais que exerceram ou exercem atividades jurídicas; a Casa e a biblioteca [também aqui doada] cuidada com tanto zelo e carinho demonstram o sonho que ele tinha”, contou o filho, George Guilherme Penteado Arcênio.

“Prestar uma homenagem a um advogado como ele, que dedicou sua vida à Justiça, é algo que nos honra muito: nomes como Pedro Elias Arcênio e Norma Vasconcelos Penteado Arcênio nos servem como farol, a iluminar o caminho de todos nós, para todos aqueles desejam ter na advocacia a sua profissão de fé e de amor”, assim Marcos da Costa prestou reverência à memória de Pedro e Norma.

O Presidente da Subseção de Paraguaçu Paulista, Edilson Alves de Oliveira, demonstrou maturidade ao reconhecer o esforço de seus antecessores em favor da conquista e revelou acreditar que “é possível fazer mais do que fazemos e estamos empenhados nisto. Agradeço por terem acreditado em mim e na minha Diretoria”.

Para esta solenidade, o grupo inaugural ainda contou com: Emerson Martins dos Santos (Vice Prefeito de Paraguaçu Paulista), Miguel Canizares (Presidente da Câmara Municipal de Paraguaçu Paulista), Caio Augusto Silva dos Santos (Secretário Geral da OAB SP), Arnor Gomes da Silva Júnior (Vice Presidente da CAASP), Maria Célia do Amaral Alves (Diretora da CAASP), José Meirelles Filho (Presidente do Conselho Regional de Prerrogativas de Marília e Conselheiro Secional), Miguel Angelo Guillen Lopes (Conselheiro Secional) e Capitão PM Fábio Domingues Pereira (Comandante da PM de Paraguaçu Paulista). Ainda integraram este grupo os membros da Diretoria da Subseção: Ricardo Suzuki Serra (Vice-Presidente), Sirlei Ricardo de Quevedo (Secretária Geral), Annie Lise Prado (Secretária Adjunta) e Fabio Junior Faria (Tesoureiro).