Balanço de conquistas e de gestão


14/11/2014

No sexto painel do Colégio de Presidentes de Subseções, o Secretário-geral Adjunto da OAB SP, Antonio Ruiz Filho, fez um balanço das principais conquistas da OAB SP para agilizar os serviços prestados pela Ordem aos advogados paulistas.“Inscrição e cadastro reduziu em 80% o tempo. Outra proposta apresentada, pelo Presidente Marcos da Costa e acolhida pela Diretoria, foi a transferência de inscritos da Secional para as 12 subseções da capital. Esses procedimentos resultaram em redução de custos e racionalização da administração”, explicou Ruiz.

Já o Diretor-tesoureiro da OAB SP, Carlos Roberto Fornes Mateucci analisou  as novidades na área da gestão da OAB SP e destacou o novo sistema de informática que irá integrar as várias áreas da Ordem.“Buscamos a melhoria da gestão financeira e econômica da Ordem pela implementação de um programa de gerenciamento. É um sistema de gestão integrada, que se conclui agora em 2014, a determinar uma sinergia maior. Uma melhoria na relação da atividade da própria Ordem”, informou.

 Outro tema da palestra do Diretor Tesoureiro foi a inadimplência e algumas soluções para aumentar o caixa da Secional.“Estamos trabalhando ainda na redução do índice de inadimplência“, declarou Mateucci.

 Para dar seguimento a política de independência das subseções, o Tesoureiro afirmou que a Secional passou a destinar 50% da verba da receita da ESA para as subseções.“Vamos continuar a valorizar as Subseções, ampliando seus recursos e sua autonomia”, ressaltou.

 O Presidente Fábio Picarelli falou das realizações da Subseção de Santo André.“Nós investimos na comunicação. Temos mailing, site, revista e fazemos programas na rádio TV local. Fizemos também uma parceria com a prefeitura e com a Associação Comercial para fazer conciliação e mediação. Temos um convênio com o Banco do Brasil e a OAB Itinerante com o Diário do Grande ABC”, explicou o Presidente.

 Em seguida, aconteceu a Tribuna Livre, onde os Presidentes das subseções puderam tratar dos temas que mais aflige os advogados de suas cidades. Entre os que subiram na tribuna estavam os presidentes Campos de Jordão, Elias Nejar Badu Mahfud; de São Miguel Paulista, João Luiz Pomar Fernandes; de Penha de França, Márcio Gonçalves; de Barra Bonita, Laureangela Maria Andrade Francisco; de Sertãozinho, Joanilson Barbosa dos Santos; e Cotia, Carlos Alberto Prestes Miramontes, entre outros.Um dos temas que chamou atenção foram os projetos no Congresso Nacional pela extinção do Exame de Ordem e pesquisa sobre o assunto no site da Câmara Federal.