Ordem paulista cobra ação para pagamento de precatórios em atraso


17/11/2015

O atraso no pagamento de precatórios devidos pela União em 2015 foi questionado por Márcio Kayatt, conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil por São Paulo, na última quinta-feira (12/11) durante reunião do Conselho da Justiça Federal (CJF). “O secretário geral, Erivaldo Ribeiro dos Santos, nos informou que o Ministério do Planejamento deverá liberar os créditos para o pagamento ainda neste mês de novembro”, disse. Segundo o conselheiro, a Ordem continuará acompanhando o tema de perto, embora esteja confiante no que diz respeito ao cumprimento do prazo informado. Kayatt afirmou, ainda, que apesar do atraso no pagamento dos precatórios, foram liberados em outubro alguns valores correspondentes a requisições de pequeno valor (RPV). Vale lembrar que a OAB tem assento no CJF - órgão administrativo da Justiça Federal.