OAB SP se junta ao Conselho Federal e outras 100 entidades contra a volta da CPMF


02/03/2016

OAB SP se junta ao Conselho Federal e outras 100 entidades contra a volta da CPMF

A Secional Paulista da Ordem dos Advogados intensifica o movimento para impedir a volta da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) desencadeado hoje (02/03), em Brasília, pelo Conselho Federal da OAB, quando 27 Secionais da Ordem e 100 entidades lançaram a campanha “Agora Chega de Carga Tributária”.

A OAB SP havia se manifestado contra o aumento de impostos para solucionar o déficit orçamentário em setembro de 2015, quando o presidente Marcos da Costa lançou a campanha “Nova CPMF não”. Para o presidente da Secional, o corte de gastos seria mais apropriado como solução para equilibrar as contas públicas, principalmente neste momento de forte retração econômica. “É preciso que a equipe econômica se empenhe na busca de outros remédios”, reforça o presidente da OAB SP, que acredita que a carga tributária já é bastante elevada, em especial se considerarmos a baixa qualidade dos serviços públicos prestados.

A Secional paulista da Ordem foi uma das entidades a capitanear os atos e manifestações que, em dezembro de 2007, culminaram com a derrocada da CPMF, afastando a possibilidade de continuidade do imposto do cheque. “Conseguimos derrubar a CPMF no passado, e impediremos sua volta no presente”, defende Marcos da Costa.

A campanha “Agora Chega de Carga Tributária” espera contar com a mobilização de todos os brasileiros nesta luta. Os cidadãos podem apoiar a campanha por meio do link: http://agorachega.org.br/. A hashtag oficial é #NãoàCPMF.