Emoção e votos de um país sob império da lei na posse da OAB Jundiaí


07/04/2016

Emoção e votos de um país sob império da lei na posse da OAB Jundiaí
Gisele Fleury Charmillot, secretária-geral adjunta da OAB SP, ao lado de Marcos da Costa, presidente da OAB SP, e Airton Sebastião Bressan, presidente eleito da Subseção de Jundiai

Como tem ocorrido nas cerimônias de posse das diretorias eleitas para o triênio 2016/2018, os dirigentes da Subseção de Jundiaí, capitaneados pelo presidente reeleito Airton Sebastião Bressan, emocionaram-se ao prestar o compromisso de bem servir à advocacia e à sociedade em defesa do Estado Democrático de Direito. Na atual temporada, com o cenário político em efervescência, como bem acentuou o diretor do CIESP, Mauritius Mathias Reisky Von Dubnitz, tudo fica ainda mais especial porque “temos que nos manter unidos como pessoas de bem, num momento tão delicado pelo qual passa nosso país”. O evento lotou o auditório da sede regional do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP).

Tema difícil em dia de festa, mas também inevitável, não escapou no discurso do presidente da OAB SP, Marcos da Costa, que foi ao evento acompanhado da secretária-geral adjunta da OAB SP, Gisele Fleury Charmillot, para empossar a diretoria. Em sua fala, ele pontuou que os advogados, no Brasil, além de profissionais do Direito, são agentes de transformação da sociedade. “Por isso, numa situação como essa em que vivemos, mais uma vez a sociedade brasileira vem cobrar da OAB um posicionamento, uma manifestação firme a indicar e verbalizar o sentimento de que é preciso colocar um basta nessa que parece uma cultura que impera na política do nosso país: do patrimonialismo, do nepotismo, do fisiologismo, de tudo o que diz respeito a se apropriar do espaço público para finalidade privada inconfessável e, notadamente, para a prática desse crime tão odioso que é a corrupção”, declarou.

O presidente da Secional relembrou a campanha Corrupção Não, lançada em meados do ano passado, e reforçou a posição intransigente da entidade no sentido de que é preciso apurar, investigar as denúncias que são promovidas contra as mais altas autoridades, sempre respeitado o direito de defesa, o contraditório e o devido processo legal. “Mas tudo isso para mostrar que não há ninguém maior que o Brasil, todos se submetem à lei e todos precisam compreender que o Brasil não é uma ‘republiqueta de banana’. O Brasil é uma República democrática que impera a lei acima das vontades, acima das intenções, acima de pretensões não confessáveis. E essa é a grande luta que travamos hoje no cenário Nacional para que a lei seja cumprida”, completou Costa sob fortes aplausos.

Empossados
Integram a diretoria que vai atuar em prol da advocacia na região de Jundiaí, além do presidente Bressan, a vice-presidente Daniela Marchi Magalhães; a secretária-geral Thabata Fernanda Suzigan; o secretário-adjunto Anibal Corradini Fraiha; e o tesoureiro Fábio Marcussi.

O diretor da CAASP, Adib Kassouf Sad que fez questão de participar da posse, levou boas notícias de ordem prática para todos os advogados. Informou que, no próximo dia 11/04, terá início a já tradicional campanha de vacinação contra a gripe junto aos associados. “A grande preocupação da entidade é ajudar a combater esse risco de contaminação que se abate atualmente sobre a nossa sociedade, e, para tal, já temos vários lotes de vacinas quádrupla encomendadas, para poder aplicá-las na maior quantidade possível de advogados, antecipando a campanha em duas semanas”, anunciou durante a solenidade.

Emoção e votos de um país sob império da lei na posse da OAB Jundiaí
Mesa da cerimônia de posse da diretoria da OAB Jundiaí

Da esquerda para direita, estão na mesa da cerimônia de posse da diretoria da OAB Jundiaí: Adib Kassouf Sad, diretor da CAASP; Messias Siqueira Mendes Barbosa, tenente-coronel de artilharia; Jorge Luiz Souto Maior, diretor do Fórum de Jundiaí; Airton Sebastião Bressan, presidente reeleito da Subseção de Jundiaí; Marcos da Costa, presidente da OAB SP; Mauritius Mathias Reisky Von Dubnitz, diretor do CIESP, Renata Santo André Vitagliano, juíza de Direito; Gisele Fleury Charmillot, secretária-geral adjunta da OAB SP e Maria Paula Rossi Quinones, conselheira Secional.