Vitórias da advocacia marcam posse no Jabaquara


08/04/2016

Vitórias da advocacia marcam posse no Jabaquara
Marcos da Costa, presidente da OAB SP, cumprimenta Antonio Ricardo Miranda Junior, presidente da Subseção de Jabaquara, na cerimônia de posse

A advocacia paulista se reuniu no auditório da Unifai, zona sul da cidade, na noite do dia 1º de abril, para prestigiar a posse solene da diretoria eleita para a gestão 2016/2018 da Subseção do Jabaquara, presidida por Antonio Ricardo Miranda Júnior. Os discursos tiveram como foco central as conquistas aos profissionais do Direito - como as legislações que permitem abertura de sociedades unipessoais e o amplo acesso às investigações policiais -, e a atual situação política do país.

Em sua fala, o presidente da OAB SP, Marcos da Costa, enfatizou que as dificuldades enfrentadas pelo Brasil por conta da corrupção foram a motivação para que a Ordem tomasse o posicionamento por pedir o impeachment. O dirigente da Ordem paulista chegou a se desculpar por tratar de tema tão angustiante em um momento que deveria ser de extrema alegria. “A OAB nunca se curvou diante dos desmandos do país e, agora, toma seu lugar de mantenedora e representante da ordem social”, justificou.

Vitórias da advocacia marcam posse no Jabaquara
Diretores da Subseção de Jabaquara fazem leitura do termo de compromisso durante cerimônia de posse

Por sua vez, o presidente reeleito por Jabaquara, Antonio Ricardo Miranda Júnior, lembrou o compromisso firmado desde a primeira gestão para bem servir da advocacia. “A reeleição foi consequência do trabalho realizado. Agora, com a experiência do primeiro mandato, seremos julgados com mais rigor”, enfatizou, agradecendo aos diretores: Terezinha Fernandes de Oliveira (vice-presidente), Maira Pereira Velez (secretária-geral), Cindia Regina Moraca (secretária-geral adjunta) e Carlos Eduardo de Vasconcelos Filho (tesoureiro).

Lutas da advocacia
Inscrito na OAB Jabaquara, o advogado Arnaldo Faria de Sá classificou como lamentável o turbulência política pela qual passa o Brasil: “A única saída que cabe ao país é política”. Quanto à demanda paulista de mudança de gestão da Assistência Judiciária, disse que os projetos apresentados e “liderados pelo presidente da OAB SP, Marcos da Costa, têm como objetivo colocar a Defensoria no lugar dela”.

A OAB SP também foi representada na posse por Fábio Canton Romeu Filho (vice-presidente) e pelos conselheiros Márcio Gonçalves, Maria das Graças de Melo, Alexandre Luís Mendonça Rollo, Rui Martins, Edivaldo Mendes da Silva e Andrea Regina Gomes. Jorge Eluf Neto, tesoureiro da CAASP, representou o presidente Braz Martins na posse, que contou ainda com presidentes de Subseções. Pelo Judiciário, compareceu o juiz diretor do Fórum de Jabaquara, Fábio Fresca, e pelo Legislativo teve ainda o deputado federal Ricardo Izar.