SEGUNDA FASE DO EXAME DE ORDEM 133 SERÁ NESTE DOMINGO


12/09/2007

Neste domingo (16/09), 4.322 candidatos em todo Estado de São Paulo prestam a segunda fase do Exame de Ordem 133, que consiste na elaboração de peça profissional , no ramo do Direito escolhido pelo candidato, e cinco questões objetivas.


Ao todo, se inscreveram 18.470 bacharéis, houve abstenção de 3,3% e fizeram a prova da primeira fase  17.856. Destes foram aprovados 4.085, mais 137 em releitura, com anulação de uma questão pela Comissão de Estágio e Exame de Ordem. O Direito Penal continua sendo a principal escolha dos bacharéis nesta segunda fase, sendo opção de 2.467 habilitados, seguido pelo Direito do Trabalho, com 1.094 opções, Tributário, com 352 e Civil, com 324. Na prova 132 , 20.173 bacharéis se inscreveram e foram aprovados 6.468 aprovados (31,33%).

A apresentação dos inscritos será às 7h30 e o fechamento dos portões será impreterivelmente às 8 horas. Somente será admitido à sala de prova o candidato que estiver portando um dos seguintes documentos de identidade original e dentro do prazo de validade, conforme o caso: Carteira de Identidade expedida pela Secretaria de Segurança, Forças Armadas, Polícia Militar, Ministério das Relações Exteriores; Cédulas de Identidade para Estrangeiros; Cédulas de Identidade fornecidas por Órgãos ou Conselhos de Classe, que, por força de Lei Federal, vale como documento de identidade, como por exemplo: a Carteira de Estagiário expedida pela OAB, CREA, CRC; Carteira de Trabalho e Previdência Social, bem como a nova Carteira Nacional de Habilitação, com fotografia.

As provas serão aplicadas em 28 cidades. São Paulo tem o maior número de inscrições: 6.913. Além da capital, cuja prova acontece na Unip –Vergueiro,  haverá provas em Americana (com 240 inscritos), Araçatuba (328), Araraquara (244), Barretos (125), Bauru (580), Bragança Paulista (207), Campinas (967), Espírito Santo do Pinhal (130), Franca (257), Guarulhos (530), Itapetininga (229), Jundiaí (316), Marília (470), Mogi das Cruzes (479), Osasco (737) Piracicaba (445), Presidente Prudente (309), Ribeirão Preto (627), Santos (776), São Bernardo do Campo-São Caetano do Sul (1012), São Carlos (180), São João da Boa Vista (158), São José do Rio Preto (821), São José dos Campos (449), Sorocaba (490), Taubaté (320) e Tupã (131).

A prova terá  5 horas de duração e os bacharéis poderão consultar a legislação, livros de doutrina e repertórios de jurisprudência. Estão proibidos o uso de telefone celular, agendas eletrônicas, aparelho de BIP, walkman ou qualquer outro receptor de mensagens.