Acordo garante inscrição gratuita de carentes no vestibular


05/09/2000

Acordo garante inscrição gratuita de carentes no vestibular

<br>
Representantes do Fórum dos Cursinhos e das organizações que elaboram os vestibulares para as universidades públicas do Estado de São Paulo, assinaram na tarde do dia 04 de setembro, na sede da OAB-SP, acordo que permite aos estudantes de baixa renda isenção da taxa de inscrição para o vestibular de 2.000 nestas entidades. O acordo prevê a concessão de 16.355 bolsas de inscrições, sendo 10 mil para o vestibular da USP, 4 mil para a UNESP e 2.355 para a UNICAMP.
<br>
A assinatura do acordo, que teve o processo de negociação e redação inteiramente realizado pela Comissão de Direitos Humanos da OAB-SP, prevê, entre outros pontos, que os alunos a ser beneficiados com a isenção da taxa de inscrição devam estar concluindo o Ensino Médio em escola pública até o final deste ano, ou já possuir o certificado de conclusão do curso em escola pública; além de possuir renda familiar máxima, por pessoa domiciliada no mesmo endereço, de R$ 243,45. As inscrições para cada vestibular deverão ser feitas de acordo com a data estipulada por cada uma das entidades. Os estudantes que preencherem os requisitos do acordo poderão se inscrever nos três vestibulares.
<br>
Segundo o coordenador da Comissão de Direitos Humanos da OAB-SP, Pedro Dallari, trata-se de programa com amplo alcance social. “Este é o primeiro passo para que a sociedade carente perceba que é possível avançar cada vez mais na conquista dos direitos fundamentais”.