OAB-SP cria Comissão para propor medidas contra crise penitenciária


22/02/2001

OAB-SP cria Comissão para estudar crise no sistema penitenciário

A OAB-SP constituiu, hoje, uma Comissão de Especialistas para estudar e apresentar proposta para solucionar a grave crise do sistema penitenciário de São Paulo, que será encaminhada às autoridades do Estado.
A Comissão é formada pelo advogado criminalista e ex-secretário estadual de Segurança Pública e Justiça, Antonio Cláudio Mariz de Oliveira (coordenador); pelo também advogado criminalista e ex-presidente do Conselho Federal da Ordem, Márcio Thomaz Bastos ; pelo desembargador Renato Laércio Talli, ex-corregedor da Secretaria de Administração Penitenciária; por Octávio Augusto Machado de Barros Filho, juiz Corregedor dos presídios e pelo ex-diretor da Casa de Detenção e autor do livro "Portal do Inferno", Luiz Camargo Wolfman, o juiz de Direito Renato Nalini e o advogado criminal e conselheiro da OAB-SP, José Luis de Oliveira Lima.
A Comissão espera concluir uma proposta exeqüível em curto espaço de tempo, como forma de colaborar com uma possível solução para o grave quadro de crise do sistema prisional, agravado pela organização das facções criminosas dentro dos presídios.
Mais informações, na Assessoria de Imprensa da OAB-SP, pelos telefones 3105-0465 e239-5122, ramal 224.