CDH CONVOCA PARA A SEGUNDA REUNIÃO ABERTA DOS ADVOGADOS CRIMINALISTAS


04/02/2003

CDH CONVOCA PARA A SEGUNDA REUNIÃO ABERTA DOS ADVOGADOS CRIMINALISTAS

A Comissão de Direitos Humanos da OAB SP promove, no próximo dia 20 de fevereiro, às 17 horas, no Plenário 10 do Fórum Criminal Ministro Mário Guimarães, na Barra Funda, sua segunda reunião aberta com os advogados criminalistas. A exemplo da primeira, realizada em novembro do ano passado, a CDH quer discutir com os operadores do Direito a questão da defesa dos direitos básicos de seus clientes.

No primeiro encontro, além de relatarem os métodos violentos que são aplicados pelos policiais dentro do sistema penitenciário, também comentaram as situações de preconceito que vivenciam entre os operadores do Direito e a falta de segurança a que estão submetidos nos parlatórios e nas visitas a clientes presos. Os criminalistas desmentiram a versão de que a Polícia de São Paulo estaria mudando seus métodos de trabalho e contaram que presenciam, cotidianamente, cenas de violência extorsão e tortura.

“Essas agressões sempre são denuncidas à CDH por parentes das vítimas, mas raramente por advogados, por não disporem de uma instância voltada a essa questão”, explica o coordenador da Comissão de Direitos Humanos, João José Sady. Durante a reunião de novembro, um dos assuntos mais discutidos foi a descortesia e o preconceito a que os advogados criminalistas são submetidos pela mídia e opinião pública.

Mais informações na Assessoria de Imprensa da OAB SP, pelos telefones 3291-81875/82.