Nova Carteira ajuda a modernizar a Justiça


27/03/2003

Nova Carteira ajuda a modernizar Justiça

A nova carteira da Ordem dos Advogados do Brasil, elaborada pela Casa da Moeda e com código de barras, começa a implantar um novo procedimento rumo à modernização da Justiça. Nesta semana, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios realizou a simulação de carga de um processo judicial para o advogado responsável, por meio da leitura ótica do código de barras existente em sua Carteira da OAB, já no modelo novo.

Os novos documentos possuem um código de segurança pessoal e intransferível, vinculado ao registro de cada profissional. O objetivo é acabar com a falsificação de documentos de advogados, que acabam por prejudicar todo o processo jurídico. “A mudança nas Carteiras foi implantada para ampliar a segurança dos documentos de identificação dos advogados e representam o que há de mais modernos em segurança documental. Com o início da implantação desse sistema dos Cartórios, ganham advogados, juízes e as partes envolvidas nos processos jurídicos”, destaca o presidente da OAB-SP, Carlos Miguel Aidar.

A nova rotina deverá funcionar pioneiramente no cartório da 9ª Vara Cível do Distrito Federal, que é normalmente usado como cartório-piloto para testar inovações tecnológicas. Ele já possui uma leitora de código de barras e tem computadores acoplados ao SISTJ - sistema desenvolvido pela Secretaria de Informática do Tribuna, que será alimentado com informações repassadas pela OAB. A idéia, porém, é de que a novidade se espalhe o mais rápido possível para todo o Brasil.

O presidente da Comissão de Informática Jurídica da seccional paulista, Marcos da Costa, destaca que sem a implantação desse sistema de leitura dos códigos de barra, os artifícios de segurança disponíveis através das novas carteiras não estariam sendo plenamente aproveitados. “As novas carteiras já são impossíveis de serem copiadas, mas a leitura ótica vai garantir 100% de confiabilidade, além de agilizar o processo dentro dos Cartórios”, salienta.

Mais informações para a Imprensa através dos telefones 3291-8175/82.