OAB SP QUER RESPOSTAS SOBRE ASSASSINATO DE PRESIDENTE DA SUBSECÇÃO


06/12/2005

OAB SP QUER RESPOSTAS SOBRE ASSASSINATO DE PRESIDENTE DA SUBSECÇÃO DE JACAREÍ

OAB SP QUER RESPOSTAS SOBRE ASSASSINATO
DO PRESIDENTE DA SUBSECÇÃO DE JACAREÍ



Amanhã (7/12), às 11 horas, na sede da Secretaria de Segurança Pública do Estado ( Rua Líbero Badaró, 39), o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso - juntamente com os presidentes e conselheiros da região do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira - estarão reunidos com o secretário de segurança, Saulo de Castro Abreu Filho, para pedir agilização no inquérito policial que investiga o assassinato do então presidente da Subsecção de Jacareí, Angelo Maria Lopes Filho, ocorrido em junho desse ano. “O crime ocorreu há seis meses, no centro de Jacareí, e queremos respostas sobre esse assassinato bárbaro, que levou uma jovem liderança da advocacia, com apenas 38 anos. Somente a prisão e a condenação dos autores deste crime podem trazer conforto ao coração enlutado dos advogados ”, afirmou D´Urso, ressaltando que a OAB SP funcionará como assistente da acusação.

O presidente D´Urso designou que a Comissão Especial de Acompanhamento de Inquéritos dos Advogados Vítimas de Homicídio mantenha-se inteirada sobre as investigações, assim como os conselheiros Tãnia Lis Tizzoni Nogueira e José Tarcisio Oliveira Rosa. A comissão também faz o acompanhamento de outros crimes envolvendo advogados, sendo 10 crimes registrados em 2004 e 17 em 2005. “ A decisão de criar essa Comissão está diretamente ligada ao fato de termos constatado um índice tão alto de assassinatos, metade deles com relação direta com o exercício profissional. Também vamos abordar com o secretário essa nossa preocupação’, afirma o presidente da OAB SP.

Mais informações, na Assessoria de Imprensa da OAB SP, pelos telefones 3291-8175/82.