Comissão da Advocacia e TJ começam a trabalhar


19/06/2006

A OAB SP, a Associação dos Advogados de São Paulo (AASP) e o Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP), integram uma Comissão que, juntamente com o Tribunal de Justiça, pretende apontar e mediar soluções para problemas enfrentados pela advocacia no âmbito do Poder Judiciário estadual. A primeira reunião aconteceu no dia 8 de junho, com a participação da vice-presidente da Ordem, Márcia Regina Machado Melaré; do presidente da Associação, Antonio Ruiz filho; da vice-presidente do Instituto, Maria Odete Duque Bertazzi , e do juiz assessor do Tribunal de Justiça , Luís Francisco Aguilar Cortez.

A Comissão levou uma pauta de discussões, que inclui a formação de uma comissão de estudos destinadas a propor alterações sobre procedimento processual, viabilidade de protocolo integrado de toda primeira e segunda instâncias, reivindicações salariais dos funcionários da Justiça, emissão de cópias pelo TJ não autenticadas, taxas de consultas nos distribuidores cíveis e criminais, recesso de final do ano, problemas nos Fóruns da Lapa, Santana e Santo Amaro e dificuldades de vista de inquérito policiais no  Departamento de Inquéritos Policiais e Polícia Judiciária.O juiz Aguilar Cortez, em nome do TJ, comprometeu-se a dar encaminhamento ágil às propostas da Advocacia.