MIRANDÓPOLIS DEFENDE POSIÇÃO DA SECCIONAL DIANTE DO IMPASSE NA RENOVAÇÃO DO CONVÊNIO


24/07/2008

Os advogados e advogadas da 89ª Subsecção da OAB de Mirandópolis, que prestavam serviços nos termos do Convênio de Assistência Judiciária, firmado entre a OAB SP e a Defensoria Pública do Estado de São Paulo, reuniram-se nesta quarta-feira (23/7) para analisar o cenário criado pela intransigência do órgão estadual de não cumprir cláusulas cristalizadas no convênio, que existe há mais de 20 anos.

 

Altair Alécio Dejavite, presidente da Subsecção,  comunica que  os advogados decidiram apoiar, de forma incondicional, a atuação e a firme posição da Seccional paulista no tocante à renovação do convênio de prestação de atendimento judiciário gratuito à população carente, a exemplo do que ocorre na Comarca de Mirandópolis, que abrange os municípios de Lavínia e Guaraçaí, razão pela qual não farão o cadastramento de advogados a que se reporta o Edital publicado pela Defensoria Pública. Dejavite esclarece ainda que esta é, de igual forma, a posição da Diretoria da Subsecção de Mirandópolis.

Tags: