ADVOGADA DE RIBEIRÃO PRETO VENCE VI CONCURSO DE POESIA


26/03/2010

A advogada Helga Maria Martins de Paula, da subseção Ribeirão Preto, foi a grande vencedora da sexta edição do Concurso Estadual de Poesia , promovido pelo Departamento de Cultura e Eventos da OAB SP, com o trabalho “Quando Woody Allen encontra Ed Wood”, que ela declamou durante a cerimônia de premiação. O evento foi realizado no dia 24 de março no auditório da Câmara Municipal. O VI Concurso Estadual de Poesia foi uma realização do Departamento de Cultura e Eventos da OAB SP com o patrocínio da Lex Editora.

 

“Vamos ampliar o concurso e fazer um espaço permanente de poesia. Vamos fazer uma Academia de Letras da OAB SP”, planeja o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D’Urso. “Acredito que fomos estudar Direito inspirados pelos ideais de justiça e liberdade, o que nos leva a entender o próximo mais do que qualquer outra categoria profissional.”

D’Urso confidenciou ao público que conquistou sua esposa com a ajuda da poesia, embora atualmente não faça mais versos.

O diretor do Departamento de Cultura, Umberto D’Urso, também estava entusiasmado com o espaço que a poesia vem conquistando na OAB SP. “Nosso primeiro concurso teve 50 inscritos, e neste houve mais de 700. Desse jeito, logo vamos fazer a Academia Paulista dos Poetas da OAB SP”, declarou. 

O coordenador-geral do concurso, Djalma da Silveira Allegro, falou sobre a dificuldade de escolher cinco finalistas entre os mais de 700 inscritos. “Acredito que os nossos poetas já escreviam, que não compuseram poesias apenas para o concurso. Continuem consagrando a poesia que vocês vão sempre encantar os homens”, incentivou Allegro.

O VI Concurso Estadual de Poesia foi voltado a advogados, estagiários e estudantes de Direito. O tema era livre. Cada participante pôde inscrever até duas poesias inéditas. Os trabalhos foram avaliados por uma comissão julgadora formada por renomados escritores de acordo com os seguintes critérios: criatividade; originalidade; qualidades técnicas, artísticas e literárias e domínio da língua portuguesa.

Confira os vencedores:

 

1ª COLOCAÇÃO

POESIA - QUANDO WOODY ALLEN ENCONTRA ED WOOD

AUTORA – HELGA MARIA MARTINS DE PAULA

            

2ª COLOCAÇÃO

POESIA – O NOME DA ROSA

AUTORA – DÉBORA ALIGIERI

 

3ª COLOCAÇÃO

POESIA - CAMINHOS

AUTORA – GISELDA PENTEADO DI GUGLIELMO

 

4ª COLOCAÇÃO

POESIA – SONETO A FERNANDO PESSOA

AUTOR – JAIRO DA COSTA MATOS

 

5ª COLOCAÇÃO

POESIA – LEMBRANÇA        

AUTOR – DÉCIO SANCHIS

 

Menções honrosas:

 

POESIA - A CIDADE

AUTOR - FELIPE AUGUSTO CAMPERLINGO E SILVA

 

POESIA – À JOÃO CABRAL DE MELLO NETO

AUTOR - SANDRO CAPESTRANI

 

POESIA – CLARABÓIA

AUTOR - CLÁUDIO LUIS NEVES CASTELLANO

 

POESIA – ITINERÁRIO

AUTOR - WAGNER WILSON ROCHA

 

POESIA – LENDO TAGORE

AUTOR - SYLVIO MORAES DE ALMEIDA

 

POESIA – RAINHA

AUTORA - ENCARNACIÓN ALFONSO LOR

 

POESIA – SEMENTES

AUTOR - SIDNEI ROSA DA SILVA

 

POESIA – SENTENÇA FINAL

AUTOR - ALDO LUIZ FRANCINI

 

POESIA – SONATA

AUTOR - ALLAN MORAES

 

POESIA – VERDADES ABSOLUTAS

AUTORA - DANIELA JULIANO SILVA