PRESIDENTE DA OAB SP LAMENTA MORTE DE MAURO CHAVES


11/02/2011

O presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D´Urso, afirmou que recebeu com muito pesar a notícia da morte do jornalista e advogado, Mauro Chaves: “ Perdemos um importante intelectual, dotado de grande sensibilidade para discutir as questões da cidadania, da ética, da política nacional, do Estado de Direito e os instrumentos ao alcance do cidadão para enfrentar os abusos e o gigantismo do Estado. Expresso a seus familiares e ao Grupo Estado, nesse momento de dor, a solidariedade de toda a advocacia paulista”.

Articulista e editorialista dos jornais  “ O  Estado de S. Paulo” e “Jornal da Tarde”,  além de comentarista político da TV Gazeta, Mauro Roberto Fernandes Chaves, morreu aos 69 anos,  vítima de insuficiência cardíaca em São Paulo na noite de quinta-feira (10/2).

Graduou-se em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, tendo colocado grau em 1964 e se inscrito nos quadros da OAB SP em 1966. Também  formou-se em Administração de empresa, Filosofia, Letras e Cinema.

Dedicou-se ao jornalismo e reuniu uma significativa produção artística, formada por  peças teatrais, livros e roteiros cinematográficos. Foi premiado  como autor teatral pelas peças: “ Os Executivos (Serviço Nacional de Teatro), “Alvará de Conservação” (Secretaria de Cultura) e “ Adaptação do Funcionário Ruan” (Pen Club).

O corpo de Mauro Chaves está sendo velado no cemitério Gethsêmani (Rodovia Anhanguera, Km 23,4)  onde será sepultado nessa sexta-feira (11/2), às 16 horas.