CELSO LIMONGI RECEBE CARTEIRA DA OAB


12/08/2011

O ex- ministro do STJ, desembargador e ex-presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo Celso Limongi, recebeu das mãos do presidente Luiz Flávio Borges D´Urso ,nessa terça-feira (9/8), na sede da Ordem, sua Carteira de Advogado.

“Fico feliz de ter voltado à advocacia depois de 42 anos como magistrado. São tempos diferentes. A advocacia de 1969 para trás era uma. Hoje, é muito mais tensa, tem muitos juízes, embates. Mas estamos preparados. Aprendi a guerrear”, afirmou Limongi.

O ex-presidente do TJ-SP contou que foi advogado antes de ingressar na magistratura, de 1965 a 1968, quando passou no concurso público para juiz, e atuava majoritariamente na área cível. Ele diz que pretende trabalhar agora como consultor e no escritório da família.

“Os operadores do direito precisam realmente estar juntos. Sempre há, neste país, que busca uma democracia que ainda não existe, tentativas de violar os direitos dos operadores do direito. Há sempre tentativas de diminuir o Poder Judiciário, como também há tentativas de impedir ou desrespeitar as prerrogativas dos advogados”, afirmou.

O presidente  D’Urso lembrou que Limongi “ocupou cargos importantíssimos e, com a mesma humildade, retorna às fileiras da advocacia.“ É honra poder recebê-lo e dar as boas-vindas. No convívio que tivemos quando Vossa Excelência ocupava a presidência do Tribunal , não há reparos. Houve lealdade, sinceridade e respeito aos advogados. Mas há um outro testemunho que eu queria prestar. De um homem, um ser humano, que tem um grau de sensibilidade diferenciado”, disse D’Urso.