Comissão do Jovem Advogado promove o Natal Cidadão


06/12/2013

A Comunidade Favela do Moinho, que ficou conhecida após grande incêndio, no centro de São Paulo, vai receber o projeto “Natal Cidadão”, realizado pela Comissão do Jovem Advogado. No dia 7 de dezembro, a partir das 10 horas, haverá profissionais de diferentes áreas oferecendo orientação jurídica, orientação para familiares de dependentes químicos, serviços de mediação e conciliação, orientação para prevenção contra DST´s, dicas para saúde bucal e outros serviços, também com a presença de postos de apoio móvel da Secretaria de Trabalho, Emprego e Empreendedorismo Municipal. O ponto de encontro será a rua Dr. Elias Chaves.

Para este projeto, a Comissão do Jovem Advogado conta com o apoio do Departamento de Cultura e Eventos, da Coordenadoria de Ação Social e de outras comissões da OAB SP, além da CAASP.

 

Para as crianças, o Papai Noel vai chegar trazendo muitos presentes, além de atrações especiais e atividades de recreação durante todo o dia”, explica Everton Simon Zadikian, Presidente da Comissão do Jovem Advogado.

 

A Favela do Moinho ficou mais conhecida dos paulistanos quando, em 2011, um grande incêndio atingiu o conglomerado de barracos que fica sob o viaduto Orlando Murgel e no leito da linha de trem que passa pela região. Nesta ocasião, 2 pessoas morreram e pelo menos 1.200 famílias ficaram desabrigadas. Novos incêndios ocorreram em 2012 e 2013, havendo uma morte em um deles.

 

Outros projetos

 

Além do “Natal Cidadão”, a Comissão do Jovem Advogado desenvolve uma série de outras iniciativas, especialmente com foco em “possibilitar aos novos colegas uma orientação objetiva quanto à realidade, dificuldades e benefícios oriundos de nossa atividade profissional”, destaca Zadikian.

 

Esta gestão (2013/2015) instituiu o “Projeto Integração Total para o Advogado em Início de Carreira”, que oferece ciclos de palestras para os colegas, logo após receberem suas carteiras. Estrutura da OAB SP, importância da Comissão do Jovem Advogado, Ética no dia-a-dia do Advogado, defesa das prerrogativas profissionais são alguns dos temas apresentados. O projeto ainda fala das vantagens e dificuldades de montar seu próprio escritório e, caso seja essa a alternativa, como fazê-lo, além de tratar do contra-ponto: vantagens e dificuldades de ser advogado exclusivo empregado.

 

“Pensamos que com este projeto quem ganha é o advogado que inicia sua vida profissional, uma vez que possuirá a oportunidade de ingressar no mercado de trabalho com uma visão mais ampla e ciente da realidade que o espera”, conclui Zadikian.

A gestão financeira profissional, do escritório e pessoal, como angariar clientela dentro dos limites estabelecidos pelo Código de Ética Profissional são outros temas abordados no ciclo de palestras, que é encerrado pela apresentação do Clube de Serviços da CAASP e divulgação de alguns parceiros que ofereçam condições especiais para os advogados.

 

Para saber quando serão as próximas edições do “Projeto Integração Total para o Advogado em Início de Carreira” e ter mais sobre a atuação da Comissão do Jovem Advogado você pode acessar a página do grupo no Facebook: https://pt-br.facebook.com/pages/Comiss%C3%A3o-do-Jovem-Advogado-da-Oabsp/510350505690561