Presidente da OAB SP parabeniza novo Diretor da Faculdade de Direito da USP


22/02/2014

Assim que recebeu o anúncio da indicação do advogado e Professor-titular de Direito Processual, José Rogério Cruz e Tucci, para dirigir a Faculdade de Direito da USP, o Presidente da OAB SP, Marcos da Costa, elogiou a escolha: “Os predicados de José Rogério Cruz e Tucci o tornaram uma referência para a classe, por sua dedicação à causa da Justiça e por seu vasto conhecimento jurídico. Nessa nova empreitada, temos certeza de que será um dos mais profícuos diretores da tradicional Faculdade de Direito da USP, defendendo a qualidade de ensino, sem esquecer-se de seus ideais em relação à universidade pública que, em suas palavras, ‘deve ser livre e autônoma para cumprir a relevante finalidade social e política que lhe é reservada’”.

Marcos da Costa destacou também a intensa atuação que José Rogério Cruz e Tucci sempre teve na OAB SP. Dentro da instituição, ainda figura como Presidente da Comissão de Direito Processual Civil, desde a gestão anterior, além de ter sido membro consultor da Comissão de Informática Jurídica e de ter ministrado aulas na Escola Superior de Advocacia (ESA-SP).

As eleições para diretor da Faculdade de Direito da USP foram realizadas no dia 18 de fevereiro. José Rogério Cruz e Tucci foi o mais votado.  Também concorreram ao cargo de diretor, os professores Virgílio Afonso da Silva, Professor-titular do Departamento de Direito do Estado e  Sérgio Salomão Shecaira, Professor-titular do Departamento de Direito Penal, Medicina Forense e Criminologia. A escolha do nome do novo   Diretor  coube ao  Reitor da USP, Marco Antonio Zago, com base na lista tríplice definida pelas eleições, que envolveram docentes, discentes e funcionários.  O  novo vice-diretor será o advogado Renato de Mello Jorge Silveira, do Departamento de Direito Penal, Medicina Forense e Criminologia,  que é também colaborador da OAB SP.

Nascido em Mogi Mirim, em 1956,  José Rogério Cruz e Tucci graduou-se em Direito em 1978. Em 1980 já completava o mestrado em Direito na USP e, em 1982, obteve o doutorado na Università degli Studi di Roma La Sapienza. Professor titular da USP nas cadeiras de Direito Processual Civil e História do Direito Processual Civil , presidiu a AASP e é membro do Instituto Brasileiro de Direito Processual , da International Association of Procedural Law e integra a Comissão de Juristas para a reforma da Lei de Arbitragem.