Tributo à Mulher Advogada


08/03/2014

Marcos da Costa
O dia 8 de março é uma data a ser comemorada, ressaltando o papel fundamental das mulheres na construção de nossa sociedade e o crescimento de sua participação em todos os setores da economia, da política e da atividade jurídica.

As mulheres vêm conseguindo projeção e reconhecimento em muitos setores, especialmente na Advocacia, onde emprestam valiosa contribuição à classe e à cidadania. Desde 2006, o número de inscrições de mulheres nos quadros da OAB SP tem superado o número de homens inscritos, ano após ano. Hoje, temos mais de 150 mil mulheres advogadas militantes em todo o Estado de São Paulo.

A história da mulher da Advocacia bandeirante foi escrita pioneiramente por Maria Augusta Saraiva que, em 1897, ingressou na Faculdade de Direito do Largo São Francisco sendo a primeira mulher bacharel em Direito e, por Maria Immaculada Xavier da Silveira, primeira advogada inscrita na Seccional Paulista, em 26 de janeiro de 1932. Muitas Marias Augustas e Marias Immaculadas permeiam nosso cotidiano forense, fazendo o Direito avançar e tornando a Justiça mais democrática.

A advogada, como agente da paz, também é promotora e defensora de direitos fundamentais, bem como da igualdade no acesso a esses direitos. Acredito que não há exagero em dizer que a presença cada vez maior da mulher na Advocacia reforça o caráter humano que é necessário para abraçar e cumprir esta missão.

Parabéns Mulher Advogada!

Marcos da Costa

Presidente da OAB SP