Câmaras Municipais saem em defesa do Exame de Ordem


16/04/2015

Atendendo à solicitação do Presidente Marcos da Costa, no sentido de sensibilizar a população e a classe política sobre a necessidade da manutenção do Exame de Ordem, os Conselheiros Secionais e as Subseções do Estado iniciaram movimentação junto às suas bases, que já resultaram em aprovação, pelas Câmaras Municipais de Santos, Cândido Mota, Ourinhos e Jundiaí, de Moção de apoio à manutenção do Exame de Ordem, em razão do Projeto de Lei nº 2.154/2011, de iniciativa do Deputado Federal Eduardo Cunha, que pretende a sua extinção.

“O Exame de Ordem é o instrumento que a sociedade dispõe para aferição da capacidade técnica do bacharel em Direito que pretende exercer a advocacia, sendo a defesa técnica a base do Estado Democrático de Direito, motivo mais que justo para nos mobilizarmos pela sua preservação, resguardando os direitos da cidadania e impedindo um golpe contra a sociedade”, afirmou o Presidente Marcos da Costa