Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2016 / 12 / Marcos da Costa participa da cerimônia de diplomação dos eleitos para a capital paulista

Notícias

Marcos da Costa participa da cerimônia de diplomação dos eleitos para a capital paulista


20/12/2016

Doria_diplomação_vale
João Doria é diplomado para o cargo de prefeito de São Paulo

O presidente da OAB SP, Marcos da Costa, marcou presença na cerimônia de diplomação do prefeito, vice e vereadores eleitos em São Paulo, na manhã desta segunda-feira (19/12), na Sala São Paulo. O evento de encerramento do processo eleitoral foi promovido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP) e teve a participação de políticos e autoridades do mundo jurídico. Na ocasião, foram entregues os documentos que habilitam João Doria, Bruno Covas e 55 vereadores a tomarem posse de seus cargos a partir 1º de janeiro de 2017.

“Como defensora do Estado Democrático de Direito, a OAB SP continuará cumprindo seu papel de representante da sociedade civil e vai acompanhar de perto as atividades dos gestores em São Paulo”, disse o dirigente da Ordem paulista. Em seu discurso, o presidente do TRE-SP, Mário Devienne Ferraz, destacou que é preciso reescrever a história do universo político do país. “Mais do que nunca o povo clama por uma nova classe política e por bons governantes que estejam realmente comprometidos com legítimos valores”, disse, ao frisar ética, transparência, seriedade, dedicação e competência. “É a grande responsabilidade que pesa sobre os ombros dos senhores”, finalizou.

Já o juiz da 1ª zona eleitoral, Sidney da Silva Braga, responsável pelo pleito na capital, acrescentou que o pleito se desenvolveu com normalidade em todo o estado. Os dirigentes do TRE-SP lembraram que o uso da urna eletrônica completou vinte anos em 2016. Diversos avanços tecnológicos foram feitos desde então e avaliaram o sistema atual como seguro e confiável. Ainda de acordo com o tribunal, aproximadamente 90 mil urnas eletrônicas foram utilizadas no processo eleitoral no qual cerca de 36,5 milhões de pessoas estavam aptas a votar no estado.