Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2017 / 08 / No dia da classe, OAB SP lança documentário em homenagem à trajetória de 85 anos

Notícias

No dia da classe, OAB SP lança documentário em homenagem à trajetória de 85 anos


16/08/2017

Em meio às comemorações do Dia do Advogado (11/08), a OAB SP lançou o documentário 85 anos da Secional em Defesa do Estado Democrático de Direito. A longa trajetória elenca durante 40 minutos os principais movimentos da instituição e é homenagem a todos os profissionais que construíram a história da Ordem. A exibição do filme, dirigido pelo documentarista Camilo Tavares, contou com a presença de ex-presidentes de Ordem, advogadas e advogados que integram o conselho Secional e Comissões. “A intenção desse trabalho é, além da homenagem àqueles que fizeram parte da história da OAB SP, relembrar eventos marcantes de modo que inspire as novas gerações”, pondera Marcos da Costa, presidente da OAB SP.

O filme relata movimentos da entidade de classe desde a fundação da Ordem paulista em 1932 por Plínio Barreto, em paralelo aos grandes momentos do país com o passar das décadas. Para citar apenas alguns passos em  anos mais recentes, o documentário aponta o surgimento da defesa das prerrogativas do advogado – diretriz fundamental para que o direito de defesa seja exercido plenamente; a batalha pelo reestabelecimento do habeas corpus no período da Ditadura Militar – mobilização que teve início em uma Conferência Nacional da Advocacia na década de 1970; a contribuição para o projeto de lei da anistia; a mobilização pelas eleições diretas; os esforços para conter excessos do Executivo por conta da abundância de Medidas Provisórias; o recente manifesto pela ética na política, que mobilizou as Subseções em todo o estado de São Paulo e levou candidatos às eleições municipais de 2016 a assinarem compromisso com a Ordem.

Em seguida à exibição, o ex-presidente do Conselho Federal e da Secional paulista, Mário Sérgio Duarte Garcia, disse que os episódios refletem o esforço dos advogados: “É uma honra poder assistir o filme que evidencia o histórico de todos os presidentes que passaram pela Secional paulista e por todas as Secionais do nosso sofrido Brasil. Os fatos demonstram bem o esforço de cada um dos advogados que operaram e trabalharam pela volta do Brasil à democracia. Nos anos de chumbo, sofremos junto com a população brasileira e batalhamos para superar esse período negro”.

No dia da classe, OAB SP lança documentário em homenagem à trajetória de 85 anos
Auditório da sede institucional da OAB SP lotado no lançamento do documentário

Por sua vez, Luiz Flávio Borges D’Urso, ex-dirigente  OAB SP em três gestões e atual conselheiro federal pelo estado de São Paulo, produzir um filme sobre a história da Ordem se diferencia quando é marcado por alguns requisitos que dão a grandeza da classe. “O primeiro, da impessoalidade, seguido pela absoluta fidelidade nesta linha histórica de lutas da Ordem e, terceiro, conseguir alcançar aquele ponto de emoção que precisa ser despertado no coração de quem está assistindo, entre quem viveu e os que não viveram mas estão vendo desfilar em sua frente a história do Brasil. O filme conseguiu todos”, cumprimentou. Ainda segundo o advogado, o filme tem elementos para despertar em jovens estudantes a mesma chama que conduziu milhares de advogados e advogadas nas lutas pela democracia e liberdade.

Na mesma linha, o presidente da Comissão de Direitos e Prerrogativas da OAB SP, Cid Vieira de Souza Filho, disse que o roteiro possibilita que os jovens entendam ações do passado e possam projetar o futuro. O advogado se emocionou ao relembrar os passos do pai, Cid Vieira de Souza, com respeitada atuação como dirigente de Ordem nos anos de chumbo da repressão militar. “Minha família pagou o preço de um ideal muito grande em prol da liberdade e do Estado Democrático de Direito”, recordou.

Em seguida, os advogados Airton Soares e Belisário dos Santos Júnior, que atuam intensamente em favor dos presos políticos, fizeram considerações. Soares relembrou os esforços da Ordem à época das busca pelo retorno das eleições diretas, quando os advogados se articularam para traçar estratégia que unisse personalidades políticas distintas, com objetivos próprios, de modo a alcançar como resultado final o direito da sociedade de eleger o presidente da República. “O filme sintetiza os feitos importantes dos dirigentes e acho importante hoje, nesta ocasião, agradecer por todo o trabalho notável que advogadas e advogados fizeram pelo país ao longo das décadas”, concluiu Santos Júnior.

Sob aplausos e forte emoção, em especial, dos que participaram direta ou indiretamente da construção desse histórico, Marcos da Costa solicitou para todos os  presentes empenho em divulgar essa bela trajetória em prol da cidadania, da democracia e de um Brasil mais harmonioso e justo. O documentário pode ser visto aqui: https://www.youtube.com/watch?v=7fDLBZSY0Mg

Veja mais imagens na Galeria de Fotos