OAB SP participa dos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher

Tweet


05/12/2017

OAB SP participa dos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher
Marcos da Costa, presidente da OAB SP, no Ato Todas por Todas - 16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher

Com o slogan Todas por todas, a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, por meio da Coordenação de Políticas para Mulheres, deu início (21/11) ao calendário de atividades dos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher. A Seção São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil participa da iniciativa com atividades promovidas por duas de suas Comissões: Mulher Advogada e Igualdade Racial, presididas por Kátia Boulos e Carmem Dora de Freitas Ferreira, respectivamente. A solenidade de lançamento da campanha foi realizada na Sala do Conservatório de São Paulo, na Praça das Artes, no centro da cidade.

“Lamento que tenhamos de discutir e enfrentar, em pleno século XXI, questões como o machismo e a violência contra a mulher. A sociedade brasileira precisa evoluir no combate a esses dois comportamentos reprováveis. Parte disso depende da abertura de espaços para a participação feminina na política, o que ainda é insipiente no Brasil”, defendeu Marcos da Costa, presidente da OAB SP, durante o evento.

A secretária municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Eloisa Arruda, reforçou que é preciso dar vez e voz às mulheres brasileiras e acrescentou que o combate da violência contra a mulher é também uma questão de segurança pública. “É possível que, enquanto estamos aqui, nesse momento, uma mulher esteja sendo morta. São sucessivos os episódios de feminicídio em São Paulo, no Brasil”, lamentou.

A campanha dos 16 dias de ativismo do município de São Paulo contará com uma série de eventos públicos e privados para dar maior visibilidade à questão da violência contra a mulher. Entre as atividades da OAB SP voltadas para os 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher está o Painel Seis da XXIII Conferência Nacional da Advocacia Brasileira, que ocorreu no Pavilhão de Exposições do Anhembi. Com o título Mulher Advogada – Igualdade de Gênero, o painel teve cinco temas expostos no primeiro dia da Conferência (27/11).

Os 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher surgiram em 1991 como uma campanha organizada por mulheres do Centro de Liderança Global de Mulheres (Center for Women’s Global Leadership - CWGL) para denunciar as diferentes formas de violência contra as mulheres ao redor do mundo. Hoje, cerca de 130 países realizam a ação tentando mobilizar seus governos diante de violações dos direitos humanos das mulheres. O número é a contagem de dias entre 25 de novembro e 10 dezembro, Dia Internacional da Não Violência Contra a Mulher e o Dia Internacional dos Direitos Humanos, respectivamente.

Veja mais imagens na Galeria de Fotos