Major Olímpio concorre ao Senado defendendo reforma da segurança pública

Tweet


11/09/2018

Major Olímpio concorre ao Senado defendendo reforma da segurança pública

Com propostas voltadas para o âmbito da segurança pública, o candidato ao Senado pelo Estado de São Paulo, Sérgio Olímpio Gomes, o Major Olímpio (PSL), destacou a sua plataforma política durante rodada de apresentações (10/09) organizada pela OAB SP, na sede institucional.

Presidente da Seção São Paulo da Ordem, Marcos da Costa recebeu o candidato ressaltando a relevância da advocacia paulista, que conta com mais de 400 mil inscritos em seus quadros. “A OAB SP abre as portas para demonstrar a importância do Legislativo, permitindo, assim, que o cidadão possa refletir sobre as ponderações dos candidatos, valorizando o parlamento e a representação popular. Essa casa tem como bandeira a defesa da Constituição Federal, da democracia e da cidadania, contribuindo para que a sociedade tenha conhecimento das candidaturas”, reforçou.

Nascido em Presidente Venceslau (SP), bacharel em ciências jurídicas e sociais, o policial militar Major Olímpio apresentou como proposta uma reforma da segurança pública no país. “Tão importante quanto as reformas política, tributária e previdenciária, é a reforma da segurança pública em nosso país. A pior prestação de serviço público em todos os estados é o da saúde, mas a maior preocupação do cidadão brasileiro, é a segurança”, observou o candidato, que elencou como prioridade um rastreamento da lavagem de dinheiro, com uma monitoração integrada entre Receita Federal, Estado, municípios, Ministério Público, Poder Judiciário, polícias e a sociedade.

Compuseram a mesa de autoridades, o presidente da Comissão Contra Caixa Dois nas Campanhas Eleitorais, Luciano Caparroz Pereira dos Santos; as conselheiras da Secional São Paulo, Rosa Ramos e Rose Oggianno; o presidente da Comissão de Estudos do Direito da Mineração e conselheiro Secional, Laerte Soares; o presidente da Subseção de São Caetano do Sul, Adilson Paulo de Dias; e a diretora da Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal, Tania Prado. Também comparecerem ao evento, o deputado estadual Geraldo Souza; a membro diretora da Comissão de Direito da Saúde da Fecomercio, Adriana Zorub; o membro do Conselho Superior de Direito da Fecomercio, Dirceo Torrecillas; o vice-presidente da Comissão do Fórum do Processo Judicial Eletrônico, Marcos Cabello; o presidente do Grupo de Estudos Previdenciários, Wladimir Novaes Martinez, e a coordenadora do Movimento Acorda Sociedade, Dirce Namie Kosugi. 

Cidadania e Advocacia
No encerramento de todas as apresentações dos candidatos ao Senado, Marcos da Costa tem enfatizado o histórico papel da Ordem dos Advogados do Brasil em defesa da cidadania e da advocacia. Destaca que o evento promovido pela OAB SP busca valorizar o voto consciente nas próximas eleições e contribuir para a maior exposição dos pleiteantes ao Legislativo, já que diante de votação também para pleito majoritário, como é o caso, a mídia tende a dar maior espaço e visibilidade aos concorrentes para os cargos do Executivo.

Aos que compareceram à entidade para falar de suas plataformas políticas, o dirigente da advocacia paulista pediu apoio para a implementação de propostas voltadas à defesa da advocacia, mas que têm relação direta com a defesa da cidadania. Listou entre os pontos relevantes a presença obrigatória da advocacia em audiências de conciliação e mediação e a manutenção do Exame de Ordem, com o maior controle na abertura de cursos de Direito sem a devida qualidade.

A íntegra das apresentações dos 18 pretendentes que participaram do evento #oabspnaseleições está disponível nas plataformas de Comunicação da entidade em dois links, uma para o dia 10/9  https://www.youtube.com/watch?v=TMfjEOhl_ek e outro para o dia 11/09  https://www.youtube.com/watch?v=_8bgFYBqEVs