Jubileu de Ouro: OAB SP homenageia turma de 68 da USP

Tweet


06/11/2018

Jubileu de Ouro: OAB SP homenageia turma de 64 da USP

A Secional São Paulo da OAB recebeu (26/10) os formandos da turma de 1968 da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, para a tradicional homenagem ao Jubileu de Ouro que promove todos os anos. Logo no início da solenidade, o presidente da Ordem, Marcos da Costa, saudou os cerca de 60 ex-alunos presentes e relembrou momentos históricos da instituição, quando esta atuou firmemente na defesa da Constituinte e na coordenação do projeto das ‘Diretas Já’, nos anos 80.

“Hoje temos aqui colegas que estão na trajetória de Justiça há 50 anos. Vocês ajudaram a dar à OAB a dimensão de maior entidade da sociedade civil deste país", disse Marcos da Costa. Em seguida, Deise Previato, coordenadora da Comissão Organizadora da Turma de 1968, agradeceu os colegas que se empenharam na tarefa de reunir o grupo. “Não é simples agregar tantas pessoas, mas se trata de uma turma especial. É muito bom vê-los juntos aqui hoje”.

O discurso principal ficou por conta do orador José Roberto Dealis Tucunduva, que em meio a citações de escritores e músicos, homenageou a turma. “Navegando nas águas do passado, na correnteza da memória, retrocedemos a 1964. Aprovados no vestibular das Arcadas, sentimos na alma os versos de Mario Quintana: ‘quem ama inventa as coisas a que ama e, assim, chegastes, quando eu te sonhava, acendendo-se a chama, a brasa dormida que acordava’. Ambientamo-nos no reduto da cordialidade do aprendizado, a velha academia do Largo são Francisco, uma alma plena de alegrias, aspirações, castelos no ar, esperanças e o espírito cheio de entusiasmo”, disse. Por fim também fez referência aos colegas ausentes.

Espírito acadêmico
A homenagem anual contou com a presença de José Carlos Madia de Souza, presidente da Associação dos Antigos Alunos da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Madia lembrou que a associação foi revigorada à época que a Faculdade foi dirigida por Ivette Senise Ferreira - a primeira mulher a ocupar esse cargo. “Sempre vejo nos alunos da São Francisco um amor dedicado à Faculdade que não esmorece. Com o passar dos anos, é sempre renovado. Vemos que o espírito continua igual ao acadêmico, da época que se disfrutou o ensino naquela gloriosa academia”, disse Ivette, hoje diretora da ESA da OAB SP. 

“É uma linda ligação carinhosa e de lealdade a que existe entre vocês”, comentou, ainda, Tallulah Kobayashi, conselheira Secional da Ordem.

O encerramento ficou por conta do vice-presidente da OAB SP, Fábio Romeu Canton Filho. “Me espelho muito em todos os senhores. Os exemplos, as jornadas, as carreias, as falas, as atitudes, tudo isso serve para todos nós cotidianamente, para tentarmos fazer o melhor: para a advocacia, para a sociedade. Acredito que podemos fazer a diferença”, finalizou. 

Veja mais na Galeria de Fotos