Liberdade de imprensa e igualdade de direitos são defendidas por dirigentes em posse na Subseção da Lapa

Tweet


26/04/2019

23.04.2019- Posse da diretoria da Subseção da Lapa

Coragem e inovação foram marcos da cerimônia de posse da Subseção da Lapa (23/04), que contou com forte presença feminina e ocorreu na Sociedade Beneficente União Fraterna. A defesa de pilares fundamentais para o Estado Democrático de Direito, como o fortalecimento da advocacia e da própria instituição, além da liberdade de imprensa e de igualdade de direitos foram reiterados pelos dirigentes em suas falas.

A solenidade foi prestigiada pelo presidente da Secional, Caio Augusto Silva dos Santos, e dos diretores Aislan Trigo, secretário-geral; Margarete Lopes, secretária-geral adjunta; e Raquel Preto, diretora-tesoureira. Caio Augusto destacou ainda o empenho da Ordem paulista em lutar pela presença da classe nos espaços de administração da Justiça.

“Nesta gestão falaremos alto e bom som: a quem interessa nos afastar desses espaços? As regras constitucionais existem para se respeitar”, disse. Além disso, bandeiras da gestão como a transparência, a diversidade e o empenho em construir uma OAB SP cada vez mais tecnológica foram reiteradas.

Por fim, ao lado de Margarete, Raquel fez saudação especial às diretoras da Subseção e lembrou que 30 de abril é o Dia Nacional da Mulher. O presidente da Subseção, Luis Rogerio Barros, destacou diretrizes do grupo que assume com ele, entre elas, a defesa das prerrogativas. Além disso, disse que a OAB Lapa nunca teve número tão grande de advogadas em sua estrutura. Participou ainda do evento o presidente cessante, Celso Fernando Gioia, hoje conselheiro Secional.  

Assumiram ao lado de Luis Rogerio Barros: Manoel Gonzales, vice-presidente; Wagner Dias, secretário-geral; Adriana Carla Silva, secretária-geral adjunta; e Elisabete Toninato, diretora-tesoureira.

Presenças
Compuseram a mesa as conselheiras Secionais Ana Paula Mascaro Izzi, Luciana Remolli, Regina Maria Leal, Myrian Karam, Kátia Dias; Therezinha Penteado, ex-presidente da Subseção da Lapa; o presidente da CAASP, Luis Ricardo Vasques Davanzo; Paula Cristina Fernandes, secretária-geral adjunta da CAASP; Eduardo Tuma, presidente da Câmara Municipal de São Paulo; Miyoshi Naruze, presidente da Associação dos Advogados da Lapa; Paulo Feuz, coordenador da Faculdade de Direito Rio Branco, e representantes de corporações policiais, como o delegado Carlos Fiuza.